Mercado fechará em 5 h 34 min

Gloria Maria reencontra amor antigo após tumor no cérebro

Gloria Maria e o francês Eric Auguin com as filhas da apresentadora (Foto: Wallace Barbosa/AgNews)

Gloria Maria está revivendo um amor antigo um mês após descobrir tumor e fazer uma delicada cirurgia no cérebro. A apresentadora está se reaproximando do francês Eric Auguin, com quem ela namorou há mais de 30 anos. O casal ficou junto no passado por oito anos.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

O empresário reapareceu na vida da jornalista dias depois da operação a qual Gloria se submeteu. “O Eric, com quem fiquei oito anos, por uma dessas coincidências da vida, está aqui em casa agora”, diz em entrevista à revista ‘Ela’.

Leia também

Eles se separaram na época porque ele queria filhos e Gloria não. Depois do término, a apresentadora e Eric só se viram três vezes durante viagens à Europa. Durante a rotina de exames, ela foi surpreendida por uma mensagem do ex-namorado.

“Um mês antes dessa história do tumor, ele me escreveu. Disse que o Brasil era o lugar da sua vida e que havia decidido se mudar para cá. Eu disse: ‘Poxa, que legal, pode ficar em casa’. No meio das ressonâncias, no hospital, recebi a mensagem: ‘Tenho 15 pares de sapato. Levo todos?’”, relembra Gloria.

Gloria Maria com as filhas e o namorado francês (Foto: Wallace Barbosa/AgNews)

Segundo a apresentadora do ‘Globo Repórter’, o francês não sabia do caso. “Tive alta na sexta-feira, ele chegou domingo, dia 17, sem saber de nada. Tomou um banho, a gente sentou para conversar e eu falei tudo. Eric levou uns cinco dias para acreditar. A maior paixão da minha vida volta justo nesse momento. O que será que isso quer dizer, Senhor?”, brinca.

No início de dezembro, Auguin foi com Gloria e as filhas na pré-estreia do filme ‘Roberto Carlos em Jerusalém em 3D’. A global, sempre muito reservada, fala sobre o relacionamento em um momento raro. “Sou discreta com a minha vida pessoal, mas tive várias histórias de amor. Fui casada no papel e quase ninguém sabe”, finaliza.