Mercado fechará em 6 h 27 min

Globoplay tem 2,5 vezes mais assinantes durante a pandemia do que em 2019

Felipe Ribeiro

Com a quarentena provocada pela pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2), o aumento de pessoas em casa e consumindo serviços de entretenimento cresceu exponencialmente. Plataformas como Disney+ e Netflix, por exemplo, tiveram alta substancial no número de assinantes, mesmo com um cenário de crise econômica — outro dos efeitos colaterais desse momento. No Brasil, um dos maiores mercados para este tipo de serviço, a Globoplay, streaming de programas e produções da TV Globo, mais que dobrou o número de usuários em um ano, com 2,5 vezes mais assinantes.

A informação foi dada por Erick Bretas, diretor de produtos e serviços digitais da emissora, que participou de uma live com o pessoal do Mobile Time nesta quinta-feira (18). Bretas afirmou que, além do crescimento provocado pelo aumento de pessoas em casa durante a pandemia, o trabalho contínuo da Globo para melhorar e divulgar seu serviço contribuiu para essa alta.

Além disso, outro fator que pode ter ajudado o Globoplay a aumentar em 2,5 vezes foi o Big Brother Brasil. O reality show da Globo levava muitas pessoas ao aplicativo e, consequentemente, a descobrir outros produtos, como séries americanas e também aquelas produzidas pela própria emissora. Para completar o conjunto de ações, a empresa disponibilizou por tempo limitado o acesso gratuito a conteúdos da Disney, algo que, claro, ajudou — e muito.

Catálogo do Globoplay não pára de crescer (Captura de Tela/ Felipe Ribeiro)

Outro número interessante revelado por Bretas na live do Mobile Time foi com relação à origem dos acessos à plataforma. Segundo o diretor, houve um aumento de 10% de usuários oriundos de Smart TVs, de 37% para 47%. Hoje, a esmagadora maioria das TVs já estão com o aplicativo do Globoplay instalado.

E você amigo, leitor? Passou a utilizar mais o Globoplay nessa quarentena? Escreva para a gente nos comentários!

Fonte: Canaltech