Mercado fechado

Globo tem novo protocolo para gravação de novelas após coronavírus; saiba como vai ser

Reprodução/TV Globo

Mudanças importantes devem ser vistas daqui para frente nas produções de TV. Estúdios de todo o mundo já estão definindo protocolos de segurança como prevenção contra a pandemia do novo coronavírus. Têm sido de praxe regras rígidas de higienização, testes constantes e distanciamento. E vão além. No Brasil, a Rede Globo vai na mesma direção e várias recomendações, já adiantadas pela colunista Carla Bittencourt, da Telinha, são semelhantes ao que é pregado fora do país.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

Cenas de contato físico

Lurdes (Regina Casé) vai poder abraçar Domênico quando eles finalmente se encontrarem em "Amor de mãe". Mas a ideia é que cenas como muito contato sejam evitadas. Em Portugal, uma cena de beijo foi feita com uma atriz beijando uma bola de tênis, para só na pós-produção adicionarem digitalmente o rosto do ator.

A falta de contato vai mudar a forma como algumas cenas são gravadas. No Reino Unido, por exemplo, a recomendação é evitar que os atores fiquem cara a cara. Com isso, é provável que cenas sejam feitas cada vez mais separadamente.

Leia também:

No documento britânico, revelado eplo portal Screen daily, não há especificações limitando cenas de sexo. Mas prevalece a máxima de que e preciso ter menos pessoas possíveis no set. Apenas os funcionários estritamente necessários.

Gravações externas

A recomendação na volta das novelas da Globo é evitar ao máximo cenas fora dos estúdios. A presença de figurantes é algo descartado. No Reino Unido, a Comissão britânica de produção de filmes também fala de restrições de gravações em determinadas áreas públicas. Em situações em que sejam realmente essenciais, a área precisará ficar em quarentena por 72 horas, quando não for possível fazer uma higienização adequada.

Sem boca livre

Nada de chegar aos sets de gravação e fazer uma boquinha com grandes comidas expostas. Na terra da rainha Elizabeth, essa regalia foi cortada. A ideia é que os atores tragam as marmitas de casa, ou, caso peçam comida, que seja feito em porções individuais. Há até a recomendação de que um funcionário específico apenas fique responsável por pegar as entregas, para evitar aumetno de contato.

Na Austrália, em documento disponibilizado no site do governo, há regras proibindo o compartilhamento de garrafas e objetos do tipo. A ideia é até disponibilizar bebedouros em que não é preciso encostar as mãos. Há ainda a ideia de fazer setores comerem separadamente para evitarem aglomerações.

Na Globo, a orientação é semelhante. Todos os colaboradores, incluindo os talentos (que é como a Globo se refere aos atores) terão que levar sua própria marmita ou comer na praça de alimentação disponível por lá. As estações de café/chá e bebidas compartilhadas também está proibido.

Sem papel

Os estúdios de Hollywood vão priorizar a entrega de roteiros digitalizados. Nada mais de papel circulando, afinal, isso aumenta o contágio. A Globo já tinha interesse em seguir medida semelhante, antes mesmo da pandemia. O objetivo inicial era evitar os spoilers vazados das novelas... Agora, já tem um novo motivo.

Barba, cabelo, bigode

A orientação tanto no Brasil, quanto fora, é que os atores, quando possível, apareçam já prontos para as cenas. Com cabelos e maquiagem feitos fora dos estúdios, sem o auxílio de novos profissionais.

O relatório britânico reconhece que esta é uma medida difícil em grandes produções, por isso, as regras de higienização passam a ser ainda mais rígidas. Maquiadores, por exemplo, terão que usar materiais descartáveis.

No relatório divulgado pela Comissão cinematográfica da Austrália, e seguido em demais países, nos casos essenciais, é que tenha um profissional (de beleza, por exemplo) por talento.

Figurino

Na Globo, o objetivo que os atores façam menos trocas possíveis de figurino. É preferível aparecer em diferentes cenas com o mesmo look. Nas produções australianas, o objetivo é ter apenas uma área para a troca de roupas. Da transição do figurino do depósito até chegar os atores, a ideia é que as roupas sejam levadas individualmente, evitando várias araras e muito contato.

Quarentena

Murilo Benício revelou em entrevista ao Canal Brasil que a Rede Globo tinha cogitado deixar os atores em quarentena por um tempo, confinados em um hotel, antes de começarem as gravações. As medidas também foram estudadas em estúdios internacionais. No Reino Unido, a medida valerá, principalmente, para atores contratados de outros países. Assim que chegarem a terras britânicas, precisarão ficar 14 dias antes de entrarem em um set.

Da AGÊNCIA EXTRA