Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.950,64
    +459,45 (+1,29%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Glic: aplicativo gratuito ajuda diabéticos a controlar a glicemia

·3 minuto de leitura
Glic: aplicativo gratuito ajuda diabéticos a controlar a glicemia
Glic: aplicativo gratuito ajuda diabéticos a controlar a glicemia

Quem tem diabetes ou conhece alguém que convive com a doença sabe como é difícil manter a taxa glicêmica controlada. A hiperglicemia – quando o nível está muito alto – e a hipoglicemia – quando está muito baixo – são problemas constantes na rotina dos diabéticos.

Para ajudar os pacientes nessa difícil tarefa, existe um aplicativo gratuito. Estamos falando do Glic, que colhe os registros diários de glicemia, medicamentos e alimentação, e faz a conexão com uma equipe médica parceira da plataforma.

Claudia Granha Labate e o marido, Gabriel Schon Moreira, são os CEOs do Glic. Ela descobriu que tinha a doença aos 10 anos e viu na própria experiência uma oportunidade para ajudar outras pessoas.

“O que a gente diz é que o Glic é como uma bússula para quem faz o tratamento. No dia a dia, eu vou fazendo os lançamentos para ele me ajudar a seguir a prescrição médica. Isso gera dados para a equipe médica, inclusive, em tempo real, para poder fazer os ajustes. O objetivo é melhorar a nossa qualidade de vida. É tirar o tempo que a gente gastaria fazendo tudo isso para poder realizar os nossos sonhos da forma que a gente bem entender e ser algo além só do diabetes”.

Controle da glicemia é um dos principais desafios de quem tem diabetes. Imagem: Shutterstock
Controle da glicemia é um dos principais desafios dos diabéticos. Imagem: Shutterstock

Aplicativo calcula dose de insulina

A plataforma oferece uma tabela nutricional com mais de 1.500 alimentos para contagem de carboidratos e faz o acompanhamento do uso de medicamentos, além do cálculo da dose de insulina a ser aplicada, considerando a ingestão de gordura relatada pelo usuário.

O Glic ainda gera relatórios e gráficos do tratamento. O sistema usa como base a orientação médica recebida pelo paciente para ajustar o tratamento no dia a dia.

“Tudo nasce de uma prescrição médica. O paciente tem a sua prescrição e ele cadastra no aplicativo. Diz se usa insulina ou medicamentos orais. A partir da prescrição, a gente passa a conhecer o perfil de uso de medicamentos desse paciente e faz a automatização do dia a dia de tratamento. Vamos dizer que esse paciente usa um medicamento oral todos os dias, ao meio-dia. Diariamente, o aplicativo vai apitar e lembrar que ele tem que tomar o medicamento e pedir glicemias. Se usa insulina, ele vai recomendando a quantidade necessária para aquela prescrição”.

Leia mais:

Glic é mantido por parcerias

Além dos pacientes, médicos e nutricionistas podem se cadastrar para oferecer suporte aos usuários a distância e em tempo real. Para manter a plataforma no ar, sem custos, o Glic conta com parcerias.

“O aplicativo é 100% gratuito para pacientes, médicos e nutricionistas. O que a gente faz como negócio é desenvolver projetos com a indústria farmacêutica, empresas de healthcare e seguros saúde para aproveitar a expertise que a gente tem no desenvolvimento de softwares para coletar e analisar dados, melhorando a experiência do paciente”.

Segundo Claudia, a participação de vários profissionais no projeto possibilita não só melhorar a qualidade de vida do portador de diabetes, mas também faz com que os pacientes conheçam e entendam melhor a doença.

“A gente vai somando expertises muito diferentes, inclusive, entendendo que a complexidade que é o tratamento do diabetes também se forma nesse nosso negócio. A gente tenta levar um atendimento gratuito e educativo, junto com a tecnologia do Glic. É uma ferramenta que cada um pode escolher como usar. Existem várias formas de usar o Glic e cada um vai escolher a melhor delas para o seu dia a dia”.

O aplicativo Glic está disponível para dispositivos Android e iOS. O cadastro também pode ser feito pelo site gliconline.net.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!