Mercado fechará em 1 h 12 min
  • BOVESPA

    111.325,86
    -747,69 (-0,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.389,81
    -629,10 (-1,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,40
    -0,01 (-0,01%)
     
  • OURO

    1.930,70
    -12,10 (-0,62%)
     
  • BTC-USD

    23.882,29
    +880,22 (+3,83%)
     
  • CMC Crypto 200

    545,58
    +0,27 (+0,05%)
     
  • S&P500

    4.175,46
    +56,25 (+1,37%)
     
  • DOW JONES

    33.948,78
    -144,18 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.820,16
    +59,05 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    21.958,36
    -113,82 (-0,52%)
     
  • NIKKEI

    27.402,05
    +55,17 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    12.833,00
    +418,75 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4625
    -0,0919 (-1,65%)
     

Glass Onion: Um Mistério Knives Out | 5 easter eggs que você não viu

O novo Glass Onion: Um Mistério Knives Out chegou à Netflix rodeado de muitos elogios tanto por parte da crítica quanto do público. O novo assassinato investigado por Benoit Blanc (Daniel Craig) é divertido e traz ótimos personagens em uma clássica investigação sobre um assassinato misterioso.

Só que o longa esconde também alguns segredos que são ainda mais enigmáticos do que o crime em si. São piadinhas visuais que dialogam com a trama e participações especiais que dão mais força ao bom humor que marca a franquia.

Assim, se você passou o filme todo tentando descobrir quem era o culpado e deixou escapar alguns dos detalhes presentes no longa, separamos alguns para você notar na próxima vez que for assisti-lo.

5. O músico aleatório

Violoncelista surge do nada para ajudar a resolver o enigma (Imagem: Reprodução/Netflix)
Violoncelista surge do nada para ajudar a resolver o enigma (Imagem: Reprodução/Netflix)

Logo na sequência inicial de Glass Onion, quando os convidados de Miles Bron (Edward Norton) estão tentando desvendar a caixa de enigmas que ele enviou, há uma charada que só é resolvida com uma ajuda externa. Quando eles precisam descobrir o mistério por trás da música que toca, eis que surge uma pessoa completamente aleatória para dar a resposta.

E, como você pode ter imaginado, não se trata de um desconhecido qualquer. Trata-se de Yo-Yo Ma, um músico francês de origem chinesa e um dos maiores violoncelistas de todos os tempos.

Não há bem uma explicação do o que diabos ele está fazendo no filme, já que a sua participação não tem qualquer explicação. Ele é apenas mais uma das celebridades que estão furando a quarentena com festas no apartamento de Birdie Jay (Kate Hudson), mas sem nenhum grande contexto para isso. De qualquer forma, explica como ele sabia tanto sobre a música do enigma.

4. Os companheiros de Among Us

Benoit Blanc joga Among Us só com celebridades (Imagem: Reprodução/Netflix)
Benoit Blanc joga Among Us só com celebridades (Imagem: Reprodução/Netflix)

Ainda no começo do filme, vemos Benoit Blanc entediado com o isolamento social e tentando ocupar a cabeça com partidas de Among Us — algo que muita gente fez nos primeiros meses de pandemia. Mas o que chama a atenção não é o game em si, mas as pessoas com quem ele joga.

Cada um dos amigos de Benoit são notórios autores e atores de histórias de investigação. Angela Lansbury, por exemplo, protagonizou a série Assassinato por Escrito, o qual uma escritora e detetive amadora resolvia alguns crimes. Já Natasha Lyonne é conhecida por seu papel no seriado Boneca Russa, além de ter trabalhado com o diretor Rian Johnson em Poker Face.

Já Stephen Sondheim, outro dos jogadores, é um dos roteiristas do filme O Fim de Sheila. O longa de 1973 traz uma história de investigação muito parecida com a de Glass Onion, com um assassinato acontecendo a bordo de um iate.

O único mistério nisso é Kareem Adbul-Jabbar, que é um ex-jogador de basquete. Não fica claro por que ele está no meio de tantos notórios investigadores — e pode ser essa a piada de Johnson.

3. Homenagem a Tom Cruise

O visual não é idêntico por acaso e diz muito sobre o personagem de Edward Norton (Imagem: Reprodução/Netflix, New Line Cinema)
O visual não é idêntico por acaso e diz muito sobre o personagem de Edward Norton (Imagem: Reprodução/Netflix, New Line Cinema)

Em um dos flashbacks do filme, quando é revelado como o grupo de amigos se formou, vemos o momento em que Miles Bron é apresentado ao pessoal. E sua chegada ao bar Glass Onion é um tanto quanto cômica, já que ele chega com um visual bem curioso, de colete e cabelo chanel.

Só que os cinéfilos mais atentos vão perceber que tanto o corte quanto o traje usado pelo personagem de Edward Norton são idênticos aos usados por Tom Cruise em Magnolia. E essa é uma referência que vai além da piada: trata-se de uma dica deixada pelo filme para mostrar que Bron nunca foi um gênio e que sempre copiava a ideia dos outros, incluindo de personagens do cinema.

2. As obras de arte incompreendidas

Tem que ser crítico de arte para perceber essa referência (Imagem: Reprodução/Netflix)
Tem que ser crítico de arte para perceber essa referência (Imagem: Reprodução/Netflix)

Ainda nas dicas deixadas pelo filme para o fato de Miles Bron não ser um gênio, quase todas as obras de arte que aparecem no longa apontam para isso. Embora o personagem goste de se apresentar como alguém genial e um grande apreciador de pinturas e esculturas, a verdade é que ele não faz ideia do que elas representam.

Isso fica óbvio quando Benoit Blanc fala que tem um Matisse no banheiro, mas há outros indicativos que são mais perceptíveis aos nossos olhos. Exemplo disso é que é possível ver algumas pinturas de Mark Rothko de cabeça para baixo, deixando claro que o bilionário não tem noção alguma do que tem em mãos.

1: Participação de Joseph Gordon-Levitt

Joseph Gordon-Levitt está no filme, mas você não viu (Imagem: Reprodução/Warner Bros)
Joseph Gordon-Levitt está no filme, mas você não viu (Imagem: Reprodução/Warner Bros)

Você percebeu que o ator Joseph Gordon-Levitt (500 Dias Com Ela) está em Glass Onion? Provavelmente não, já que o ator não dá as caras em momento algum, embora a sua voz possa ser ouvida da forma mais inesperada possível em diversos momentos do longa.

É ele quem grita DONG toda vez que o relógio marca a hora. Essa é uma das piadas mais aleatórias da trama e que faz sentido somente quando a gente entende quem está por trás do som.

Isso porque Gordon-Levitt é um velho amigo de Rian Johnson, que sempre acha espaço para que ele faça uma participação especial bizarra como essa.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: