Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.169,17
    +976,59 (+2,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Ginés López leva Espanha a novas alturas com 1º ouro olímpico de escalada

·1 minuto de leitura
Espanhol Alberto Gines López mostra medalha de ouro conquistada na escalada na Olimpíada de Tóquio

Por Rozanna Latiff e Sam Nussey

TÓQUIO (Reuters) - O jovem espanhol Alberto Ginés López conquistou a primeira medalha de ouro olímpica da escalada da história nesta quinta-feira em uma final masculina eletrizante decidida no último instante na estreia olímpica do esporte.

O norte-americano Nathaniel Coleman ficou com a prata, e o austríaco Jakob Schubert superou uma desvantagem enorme na pontuação e venceu a etapa final da competição para levar o bronze.

Inaugurando a modalidade em Tóquio, a escalada olímpica exige que os atletas compitam em três eventos com placares combinados para se chegar a um vencedor geral.

O primeiro evento é o de velocidade, uma disputa cabeça a cabeça em uma parede de 15 metros, seguido pelo bouldering, que envolve habilidades para solucionar problemas para vencer obstáculos montados em uma parede baixa. A dificuldade, o último evento, é uma escalada cronometrada que testa a resistência dos atletas.

Ginés López derrotou o japonês Tomoa Narasaki na abertura da prova de velocidade, mas caiu para o quarto lugar após um desempenho ruim no bouldering.

Mas o jovem de 18 anos manteve a compostura no evento de dificuldade, que terminou em quarto – o suficiente para colocá-lo na liderança do ranking geral e conquistar o primeiro ouro do esporte.

"É um sonho realizado. Não esperava mesmo por isso. Não esperava chegar à final. Um sonho realizado", disse Ginés López aos repórteres.

Sua vitória foi uma comprovação da juventude relativa da escalada, já que o norte-americano de 17 anos Colin Duffy também chegou à final.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos