Mercado fechado
  • BOVESPA

    120.933,78
    -180,15 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.072,62
    -654,36 (-1,34%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,48
    +0,35 (+0,55%)
     
  • OURO

    1.771,20
    -9,00 (-0,51%)
     
  • BTC-USD

    56.187,85
    +354,56 (+0,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.273,08
    -25,88 (-1,99%)
     
  • S&P500

    4.163,26
    -22,21 (-0,53%)
     
  • DOW JONES

    34.077,63
    -123,04 (-0,36%)
     
  • FTSE

    7.000,08
    -19,45 (-0,28%)
     
  • HANG SENG

    29.106,15
    +136,44 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.685,37
    +2,00 (+0,01%)
     
  • NASDAQ

    13.894,00
    -135,50 (-0,97%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6751
    -0,0110 (-0,16%)
     

Gigante de laticínios orgânicos revela pegada de carbono

Michael Hirtzer
·1 minuto de leitura

(Bloomberg) -- Na maior empresa de laticínios orgânicos certificados do mundo, o manejo de esterco de vaca é responsável por cerca de 18% da pegada de carbono e a ração por cerca de 14%, enquanto varejistas que mantêm o leite resfriado em geladeiras representam 9%.

Os números são a primeira análise sobre emissões da Horizon Organic, uma unidade da Danone que divulgou os dados na quinta-feira como parte de uma avaliação do ciclo de vida. A empresa busca transparência sobre sua pegada enquanto trabalha para atingir o objetivo de se tornar carbono positiva em 2025.

A medida ocorre quando a demanda por leite encolhe em meio à reputação da indústria de laticínios como grande emissora de gases de efeito estufa. Alguns consumidores agora buscam alternativas à base de plantas que consideram mais ecologicamente corretas.

“A Horizon existe há 30 anos, e estamos analisando de forma crítica as mudanças climáticas e o papel que os laticínios desempenham como contribuinte para as emissões”, disse por telefone Deanna Bratter, responsável por desenvolvimento sustentável da Danone North America. “Você ainda pode escolher laticínios, mas pode escolher um laticínio melhor.”

O objetivo da Horizon é atingir a neutralidade em carbono desde a fazenda até o consumidor e, no futuro, reduzir, capturar ou compensar mais emissões do que produz. A empresa trabalha com fornecedores de ração para a conservação do solo em plantações de grãos e incentivar culturas de cobertura, além de otimizar a dieta das vacas para reduzir as emissões da digestão animal.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.