Mercado abrirá em 3 h 49 min
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,74 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,55
    +3,40 (+4,99%)
     
  • OURO

    1.795,40
    +7,30 (+0,41%)
     
  • BTC-USD

    57.468,60
    +2.899,29 (+5,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.439,50
    -15,91 (-1,09%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,06 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    0,00 (0,00%)
     
  • HANG SENG

    23.864,53
    -215,99 (-0,90%)
     
  • NIKKEI

    28.283,92
    -467,70 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.208,50
    +157,50 (+0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2887
    -0,0598 (-0,94%)
     

Gigante das farmácias CVS quer fechar 900 lojas nos EUA

·1 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A gigante das farmácias CVS anunciou nesta quinta-feira (18) que planeja fechar cerca de 900 unidades nos Estados Unidos ao longo dos próximos três anos.

A empresa diz que vai concentrar seus esforços no crescimento digital e na transformação de suas lojas.

A CVS afirma que quer aumentar a interação com os consumidores por meio de sites que ofereçam serviços de atenção primária e das farmácias tradicionais com variedade maior de produtos. A empresa diz que tem observado mudanças nos padrões de compra dos consumidores.

A rede promete se esforçar para realocar profissionais das lojas afetados pelas mudanças, previstas para começar no segundo trimestre de 2022.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos