Mercado abrirá em 5 h 18 min
  • BOVESPA

    110.909,61
    +2.127,46 (+1,96%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.174,06
    -907,27 (-1,78%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,82
    +0,62 (+0,79%)
     
  • OURO

    1.767,30
    +3,60 (+0,20%)
     
  • BTC-USD

    16.861,32
    +394,36 (+2,39%)
     
  • CMC Crypto 200

    400,76
    +12,03 (+3,10%)
     
  • S&P500

    3.957,63
    -6,31 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    33.852,53
    +3,07 (+0,01%)
     
  • FTSE

    7.512,00
    +37,98 (+0,51%)
     
  • HANG SENG

    18.255,10
    +50,42 (+0,28%)
     
  • NIKKEI

    27.968,99
    -58,85 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    11.534,75
    +10,00 (+0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4623
    +0,0057 (+0,10%)
     

Gestores de ativos liderados por WNT negociam controle da varejista Restoque, diz Estadão

(Reuters) - Quatro gestores de ativos especializados em recuperação de ativos inadimplentes, liderados pelo WNT, vão negociar seus direitos de controlar a varejista de moda brasileira Restoque depois de adquirir 90% das ações da empresa em uma operação de aumento de capital, segundo reportagem no jornal O Estado de S. Paulo.

A reportagem publicou que não há data para uma decisão final entre os novos acionistas, mas que a WNT deve manter uma participação igual ou superior a 56% na empresa.

Um acordo de acionistas deve ser formado para alinhar a nova administração da Restoque, que possui as cadeias de moda Le Lis Blanc, Dudalina e John John, disse a matéria.

O aumento de capital de 1,63 bilhão de reais ocorreu em outubro, convertendo dívidas em ações que foram formalizadas pela bolsa paulista B3 na sexta-feira.

Restoque e WNT não responderam imediatamente a um pedido de comentário da Reuters.

(Por Marcela Ayres)