Mercado fechará em 4 h 12 min
  • BOVESPA

    125.202,83
    -943,83 (-0,75%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.220,25
    -20,26 (-0,04%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,85
    -0,06 (-0,08%)
     
  • OURO

    1.800,90
    -4,50 (-0,25%)
     
  • BTC-USD

    32.388,85
    +5,56 (+0,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,90
    -6,84 (-0,86%)
     
  • S&P500

    4.404,39
    +36,91 (+0,85%)
     
  • DOW JONES

    35.051,44
    +228,09 (+0,65%)
     
  • FTSE

    7.033,27
    +64,97 (+0,93%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.064,50
    +136,00 (+0,91%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0822
    -0,0380 (-0,62%)
     

Gerson fala em volta ao Flamengo e realça: 'Saio emocionado, mas com a sensação de missão cumprida'

·2 minuto de leitura


Chegou ao fim a passagem histórica de Gerson pelo Flamengo. O jogo de despedida foi marcado pela vitória - suada - contra o Fortaleza, por 2 a 1, cujos gols foram marcados por Bruno Henrique. Após a partida no Maracanã, e válida pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, o camisa 8 chorou e conduziu a sua declaração à base de emoção, lembranças e agradecimentos.

- A gente nunca pensa em se despedir, uma das coisas mais difíceis do mundo é se despedir de pessoas, de amigos que você ama. É difícil para caramba. Mas se despedir de um clube que, quando criança, sempre torceu, chorou na derrota e sorriu na vitória, ter a oportunidade um dia estar vestindo a camisa desse clube, e ter que se despedir... imagina o que é, o que se passa na cabeça da pessoa. Saio emocionado, mas com a sensação de missão cumprida - falou Gerson, na saída de gramado, com os olhos marejados e ao canal "Premiere".

- Sempre tive o sonho de jogar no Maracanã, e cheguei aqui o telão agradecendo. Fiquei fiquei pouco tempo, mas é muito gratificante. Só tenho a agradecer por tudo que vivi aqui. No Flamengo, tu não vai só para trabalhar, lá dentro tem uma família. É difícil deixar pessoas que você ama e convive, acaba criando um carinho muito forte - emendou, citando funcionários da comissão técnica, departamento médico e comunicação do clube.

Bandeira Gerson
Bandeira Gerson

Gerson ganhou um bandeirão personalizado em seu jogo de despedida Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Negociado com o Olympique de Marseille, da França, Gerson fez um exercício de se imaginar em sua nova realidade, a torcedor de seu clube coração, como era na infância. O meio-campista ainda frisou que retornará ao Rubro-Negro.

- Agora voltei a ser torcedor, nunca escondi isso de ninguém. Que ele (falando de Gerson para Gerson) possa ser feliz e conquistar todos os títulos... Falando por mim agora, espero poder voltar e que todos me recebam com o coração aberto - disse, completando sobre a proposta (que pode chegar aos 25 milhões de euros com bonificações futuras):

- Pensamos em todos os lados (ao aceitar a proposta do OM). Estamos vivendo um momento difícil. O clube estava muito bem estruturado, acabou que essa pandemia deu uma balançada geral. Saio triste, mas sabendo que, com a minha venda, posso ajudar o Flamengo.

+ Veja a tabela completa do Brasileirão

Gerson viaja para a França neste sábado. Já no domingo, sem o atleta de 24 anos, o Flamengo volta a campo, desta vez para enfrentar o Juventude, fora de casa, às 11h e pela 7ª rodada do Brasileiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos