Mercado abrirá em 6 h 27 min
  • BOVESPA

    108.714,55
    +2.418,37 (+2,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.833,80
    -55,86 (-0,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,76
    0,00 (0,00%)
     
  • OURO

    1.806,80
    0,00 (0,00%)
     
  • BTC-USD

    62.524,34
    +416,34 (+0,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.503,40
    +1.260,72 (+519,50%)
     
  • S&P500

    4.566,48
    +21,58 (+0,47%)
     
  • DOW JONES

    35.741,15
    +64,13 (+0,18%)
     
  • FTSE

    7.222,82
    +18,27 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    26.056,10
    -75,93 (-0,29%)
     
  • NIKKEI

    29.127,41
    +527,00 (+1,84%)
     
  • NASDAQ

    15.579,00
    +83,25 (+0,54%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4304
    -0,0059 (-0,09%)
     

Gastronomia em obras: Ipanema vai ganhar três novos restaurantes

·4 minuto de leitura

RIO — A gastronomia de Ipanema está em obras. Em breve, o bairro, que vem se configurando como o novo point gastronômico da cidade, vai ganhar três novas casas: O Babbo Osteria, primeiro restaurante do estrelado chef Elia Schramm, uma filial do Talho Capixaba e uma filial do Jappa da Quitanda.

O primeiro a sair do forno será o Babbo, com inauguração prevista para a primeira quinzena de outubro no número 632 da Rua Barão da Torre. Após 16 anos trabalhando em cozinhas de grandes restaurantes mundo afora, Schramm se prepara para debutar no comando do seu próprio rebento.

— Sou pai de Olívia, de quase 7 anos, e de Benjamin, de 3. É como se estivesse nascendo o meu terceiro filho, cercado de planejamento, de cuidado e de amor. Estou muito feliz, emocionado e cheio de expectativas — conta Schramm, que nos últimos quatro anos esteve à frente dos restaurantes do grupo 14zero3, como Pici e Oia.

Babbo é como o chef chama o seu pai desde os 2 anos. E o restaurante será justamente um italiano de culinária afetiva, que remete às memórias de sua infância, na parte italiana da Suíça. Mas com uma pegada tropical, como o carioca gosta:

— Teremos um cardápio democrático, com entradas, pratos e sobremesas para todos os gostos e bolsos.

Em dezembro, ele abrirá as portas da sala do chef, um espaço com mesa para oito pessoas, onde servirá um menu degustação mediante reserva:

— Estou pronto para me aventurar. Com confiança e responsabilidade.

Pães quase prontos para servir

A pandemia não ajudou, e a abertura da unidade de Ipanema da delicatessen Talho Capixaba, que estava prevista para o ano passado, ficou para a segunda quinzena de outubro. Toda a espera será compensada... No cardápio do número 354 da Rua Barão da Torre não faltarão os pães sempre quentinhos, as opções fartas de café da manhã e os salgados de sabor inconfundível, além de sopas, massas e as conservas da linha Leve Pronto, como as de tomate confit, alho confit, tapenade de azeitona preta, picles de pepino e picles de cebola roxa.

— Será nossa loja mais ampla, mas com a mesma identidade do Talho. Para nós, é importante que os clientes se sintam acolhidos; eles olham para nós como a extensão da própria casa — afirma o sócio Rafael Saavedra.

Ele conta que os dias que antecedem a abertura da nova casa têm sido de “ansiedade e alegria”.

— Quando o filho nasce é que a brincadeira começa. Estamos muito felizes por estarmos na reta final das obras e na expectativa para a abertura, ainda mais com a aproximação das festas de fim de ano. Vamos cuidar com carinho do primeiro Natal da nossa unidade de Ipanema. Vai ser um desafio interessante — diz Saavedra.

Japonês com sotaque cosmopolita

A última casa da fornada, igualmente aguardada, é a unidade de Ipanema do Jappa da Quitanda, prevista para abrir em novembro na esquina das ruas Barão da Torre e Maria Quitéria, onde funcionava o T.T. Burguer. O cardápio da nova unidade manterá a pegada descomplicada, mas com diferenciais. Haverá opções exclusivas, como a trilogia no gelo, com três tipos de tartare, e o quinteto de joys: de foie gras, de lagostim, de vieiras, de ovo de codorna e de barriga de salmão flambada.

Outra novidade é que o terceiro andar da casa, um rooftop, abrigará, a partir de meados de janeiro, o Qtan, um restaurante de alta gastronomia, com menu degustação de cozinha mediterrânea. O nome do chef é o segredo mais bem guardado do Rio de Janeiro. O projeto tem o frescor de Victor Niskier, conhecido por ter sido o mais jovem arquiteto a participar de um Casa Cor (aos 27 anos, em 2018).

O Jappa da Quitanda nasceu em outubro de 2019, quando os sócios Patrick Szklarz, advogado, e Patrick Stern, então do mercado financeiro, sentiram falta de um bom restaurante japonês no Centro do Rio, onde trabalhavam. O sucesso foi tão grande que em outubro do ano passado a dupla abriu uma filial em Copacabana.

— Estamos muito felizes por chegar a Ipanema, bairro onde moro e que virou referência em fine dining no Rio — afirma Szklarz.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos