Mercado fechado

Gastos com construção dos EUA se recuperam inesperadamente em setembro

Construção de moradias na Califórnia, EUA

WASHINGTON (Reuters) - Os gastos com construção nos Estados Unidos se recuperaram inesperadamente em setembro com aumento no investimento em estruturas não residenciais, o que compensou um declínio adicional nos gastos com construção de casas para uma única família.

O Departamento de Comércio informou nesta terça-feira que os gastos com construção subiram 0,2% em setembro, após queda de 0,6% em agosto.

Economistas consultados pela Reuters projetavam queda de 0,5%. Os gastos com construção avançaram 10,9% na comparação anual em setembro.

Os gastos com projetos de construção privados aumentaram 0,4%, após queda de 0,7% em agosto. Mas o investimento em construção residencial permaneceu inalterado, com os gastos em projetos unifamiliares caindo 2,6%. Para projetos habitacionais multifamiliares, houve aumento de 0,3%.

O mercado imobiliário foi o setor mais afetado pelos aumentos agressivos dos juros pelo Federal Reserve. O banco central dos Estados Unidos está apertando a política monetária para amortecer a demanda geral na economia.

(Reportagem de Lucia Mutikani)