Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,82 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,44 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,45
    +0,69 (+0,82%)
     
  • OURO

    1.793,30
    -3,00 (-0,17%)
     
  • BTC-USD

    61.719,50
    +573,48 (+0,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,70 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,92 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.030,43
    -96,50 (-0,37%)
     
  • NIKKEI

    28.624,55
    -180,30 (-0,63%)
     
  • NASDAQ

    15.331,00
    -10,00 (-0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5767
    -0,0041 (-0,06%)
     

Gás de cozinha e gasolina atingem maior preço em 20 anos

·1 minuto de leitura
Flames of gas stove
Flames of gas stove
  • Um levantamento da OSP mostrou que o preço do gás de cozinha e gasolina é o maior em 20 anos

  • O aumento do GLP é de cerca de R$ 20 com relação à média do ano passado

  • Em alguns estados, o litro da gasolina ultrapassa os R$ 7

O preço do botijão de gás de 13 kg é o maior em 20 anos, aponta uma pesquisa divulgada, nesta quarta-feira (6), pelo Observatório Social da Petrobras (OSP). Atualmente, o gás de cozinha custa cerca de R$ 98, podendo chegar a R$ 130 em alguns estados.

Isso corresponde a mais de 10% de um salário mínimo de R$ 1.100 e um aumento de mais de R$ 20 na média praticada há um ano, quando o GLP custava em torno de R$ 77,40. Devido aos preços nada acessíveis, famílias em vulnerabilidade estão se arriscando a cozinhar com álcool e já há casos de explosões e queimaduras provocadas pelo material inflamável.

Leia também:

Assim como o gás, a gasolina enfrenta sua maior alta desde fevereiro de 2003. Segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, o preço médio do litro da gasolina no Brasil é de R$ 6,09, podendo chegar a R$ 7,10 em algumas localidades.

No levantamento, os preços antigos foram atualizados.

Governo avalia criação de vale-gás

O governo Bolsonaro está estudando a criação de um vale-gás para fornecer botijões, de forma direta, a famílias de baixa renda.

Ao todo, 14,6 milhões de brasileiros inscritos no Bolsa Família seriam beneficiados ao longo de 15 meses, tempo previsto para a duração do projeto. Existe a preocupação, por parte da ala política, de que os altos preços influenciem na popularidade do governo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos