Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,46 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.783,93
    +222,80 (+0,75%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Galaxy Z Fold 4 e Z Flip 4 começarão a ser fabricados em julho

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O Galaxy Z Fold 4 e o Galaxy Z Flip 4 são as grandes apostas da Samsung para o segundo semestre de 2022. Conforme as recentes informações, a produção dos novos dispositivos dobráveis começará em julho e terá o dobro de unidades da geração anterior, buscando suprir a alta demanda esperada.

Ross Young, analista da Display Supply Chain Consultants (DSCC), comentou no Twitter que a marca sul-coreana aguarda por fortes vendas na estreia dos novos celulares. Por conta disso, o número de unidades produzidas dos aparelhos será muito maior do que em 2021.

Segundo o especialista, outro fator que deve influenciar na alta demanda pelo Galaxy Z Fold 4 e o Galaxy Z Flip 4 é um possível corte de preço. Uma promessa que a fabricante já havia feito pouco depois da estreia do Galaxy Z Fold 3 e do Galaxy Z Flip 3 no ano passado.

Em 2021, o Galaxy Z Fold 3 estreou no mercado norte-americano com preços a partir de US$ 1.799 e o Galaxy Z Flip 3 podia ser encontrado por US$ 999. No Brasil, os modelos dobráveis foram lançados com preços sugeridos de R$ 12.799 e R$ 6.999, respectivamente.

Planos ambiciosos da Samsung

Em março deste ano, Young revelou que a Samsung iniciaria a produção das telas do Galaxy Z Flip 4 no mês de abril. Na época, o analista da DSCC citou que a companhia estaria planejando a fabricação de 8,7 milhões de painéis para o novo dispositivo.

Vale citar que o “antigo” Galaxy Z Flip 3 foi um grande sucesso em diversos mercados devido ao preço acessível e a experiência moderna. O modelo chegou a ser líder de vendas por vários meses na Coreia do Sul, desbancando o Galaxy Z Fold 3 e o Galaxy S21 Ultra.

Não há dados recentes sobre o suposto número de unidades do Galaxy Z Fold 4 que serão produzidas. Contudo, um antigo relatório do TheElec sugeriu que a marca poderia fabricar cerca de 10 milhões de unidades divididas entre os dois modelos dobráveis em 2022.

Certamente, a Samsung deve ter atualizado os números da previsão de vendas para os lançamentos deste ano. Com isso, a quantidade de aparelhos que chegarão às lojas será bem maior do que a apresentada em documentos anteriores.

Sucessores do Galaxy Z Flip 3 e Z Fold 3 podem estrear em algum momento do terceiro trimestre (Imagem: Divulgação/Samsung)
Sucessores do Galaxy Z Flip 3 e Z Fold 3 podem estrear em algum momento do terceiro trimestre (Imagem: Divulgação/Samsung)

Previsão de lançamento

Considerando que a produção do Galaxy Z Fold 4 e do Galaxy Z Flip 4 começará em julho, a dupla pode ser revelada entre os meses de julho e setembro. A expectativa é que os dobráveis cheguem às lojas nas semanas seguintes após o anúncio oficial da marca.

A suposta janela de lançamento dos novos dispositivos também coincide com o ciclo de vida dos “antigos” Galaxy Z Fold 3 e Galaxy Z Flip 3. Lembrando que os dois modelos foram apresentados em agosto de 2021.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos