Mercado fechado

Galaxy Fold 2 não deve ter suporte para um importante acessório

Rubens Eishima

Esperado para agosto, o Galaxy Fold 2 deve trazer uma série de melhorias em relação ao primeiro celular com tela dobrável da Samsung. Apesar disso, a cogitada inclusão da caneta S Pen com o aparelho não deve acontecer, graças a uma limitação do smartphone.

De acordo com o site sul-coreano The Elec, o sucessor do Galaxy Fold de 2019 não será vendido com a caneta, acessório de fábrica da linha Galaxy Note. Apesar de oferecer uma tela grande, a característica dobrável do componente impôs uma dificuldade técnica para o uso da S Pen.

O obstáculo estaria na resistência da tela, que não utiliza uma camada de vidro tradicional como nos celulares da linha Note. Apesar da tão falada tela com vidro ultra fino do Galaxy Z Flip, o material no aparelho tem 0,03 milímetros (ou 30 micrômetros/microns), 10 vezes menos do que o vidro usado em um smartphone tradicional.

A espessura do material não seria capaz de aguentar a pressão (literalmente) do uso contínuo da caneta. Segundo o The Elec, apesar de testar alternativas, a Samsung não teria se sentido confiante com nenhuma das abordagens, incluindo o uso de uma nova película plástica ou um revestimento resistente apenas nas partes da tela que não são dobradas.

Não vai ser dessa vez que o Galaxy Fold incluirá a caneta S Pen? (imagem: BenGeskin/Twitter)

O site não descarta a possibilidade de a empresa desenvolver soluções para o uso da S Pen, mas a sua implementação teria que esperar por um novo modelo, ainda sem previsão de lançamento.

O Galaxy Fold 2 é esperado para o segundo evento Unpacked de 2020, previsto para 5 de agosto e que deve ter como destaque o lançamento do Galaxy Note 20. A conferência virtual deve apresentar ainda uma versão 5G do Galaxy Z Flip, a linha de tablets Galaxy Tab S7 e o relógio Galaxy Watch 2.


Fonte: Canaltech