Mercado abrirá em 5 h 16 min
  • BOVESPA

    113.583,01
    +300,34 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.598,53
    +492,82 (+0,96%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,14
    +0,69 (+0,91%)
     
  • OURO

    1.741,10
    -10,90 (-0,62%)
     
  • BTC-USD

    41.912,64
    -1.892,50 (-4,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.037,60
    -63,92 (-5,80%)
     
  • S&P500

    4.443,11
    -12,37 (-0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.869,37
    +71,37 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.038,15
    -25,25 (-0,36%)
     
  • HANG SENG

    24.498,41
    +289,63 (+1,20%)
     
  • NIKKEI

    30.183,96
    -56,10 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    15.023,25
    -171,50 (-1,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2839
    -0,0229 (-0,36%)
     

Galaxy A22 vs Galaxy A32 | Escolha entre preço baixo e câmeras boas

·9 minuto de leitura

Galaxy A22 e Galaxy A32 são dois celulares muito parecidos em suas fichas técnicas, mas estão disponíveis no Brasil em faixas de preço um pouco diferentes. Para além do visual, eles possuem especificações próximas, especialmente em processador e bateria.

Mas quem observar com maior atenção vai perceber que há mais do que apenas algumas mudanças estéticas entre os dois. O Galaxy A32 tem um visual mais minimalista e câmeras com resolução maior. E também traz visor com mais pixels. Então, qual é a proposta do Galaxy A22, afinal?

O Canaltech já testou ambos e, nos próximos parágrafos, eu vou explicar o que muda tanto no papel como na experiência de uso de cada um. A ideia aqui é apontar um caminho para você, consumidor, que está em dúvida entre eles. Ou ajudar algum amigo ou familiar que pensa em comprar um deles, mas não sabe qual e nem o motivo para a escolha.

Entenda a seguir o que muda em design, tela, câmeras, processamento, memória e bateria neste comparativo entre Galaxy A22 vs Galaxy A32.

Design e Construção

Módulo de câmeras quadrado do Galaxy A22 com o flash abaixo, por fora (Imagem: Ivo/Canaltech)
Módulo de câmeras quadrado do Galaxy A22 com o flash abaixo, por fora (Imagem: Ivo/Canaltech)

A aparência desses dois celulares é consideravelmente diferente, especialmente na parte traseira. Ambos contam com acabamento em plástico brilhante, com a tampa separada das laterais e a frente em vidro, mas o design em si é bastante distinto e permite que você identifique qual é qual com relativa facilidade.

O Galaxy A22 tem um módulo de câmeras levemente saltado e em formato quadrado, com as quatro lentes alinhadas em duas fileiras e duas colunas. Já o Galaxy A32 traz uma fileira vertical com três câmeras e uma quarta lente acima do flash LED ao lado, em uma segunda coluna “cravados” direto na tampa traseira, sem lombada. Cada círculo tem uma pequena saliência, o que deixa o vidro de proteção um pouco mais exposto a riscos no atrito com superfícies de apoio.

Essas pequenas diferenças tornam a aparência de cada um bastante distinta. Enquanto o Galaxy A22 se assemelha mais ao Galaxy M62, com o módulo quadrado levemente saltado e na mesma cor do aparelho, o Galaxy A32 tem um visual mais minimalista, que lembra o LG Velvet, pois traz as lentes “cravadas” direto na tampa traseira. Não há uma espécie de área diferenciada para as câmeras.

Não há mais nada na traseira, além do nome da marca e informações de modelo e fabricação na parte inferior, de maneira bem discreta. Na frente, a tela tem poucas bordas e ambos trazem o display chamado Infinity-U, com um notch na forma da letra que dá o nome à característica (ou seja, a vogal ‘U’). Na lateral direita, botões de volume e o liga/desliga, que no caso do Galaxy A22 tem o leitor de impressão digital embutido. O Galaxy A32 oferece este tipo de desbloqueio sob a tela.

Galaxy A32 aposta em tampa traseira brilhante e visual minimalista (Imagem: Ivo/Canaltech)
Galaxy A32 aposta em tampa traseira brilhante e visual minimalista (Imagem: Ivo/Canaltech)

A gaveta de chips fica à esquerda, enquanto no topo ambos oferecem apenas um microfone de redução de ruído. Na parte inferior, os dois modelos têm, da esquerda para a direita, um conector para fone de ouvido, microfone, porta USB-C e saída de som.

Apesar de ambos terem tela com as mesmas 6,4 polegadas, há uma pequena diferença nas dimensões: o Galaxy A22 é alguns décimos de milésimos mais alto que o Galaxy A32. As medidas são de 159,3 mm de altura no primeiro e 458,9 mm no segundo; e o A22 é 0 gramas mais pesado, totalizando 186 g. De resto, tudo igual, com 73,6 mm de largura e 8,4 mm de espessura nos dois modelos.

Falando em opções de cores, ambos podem ser encontrados em preto, branco e violeta, e o Galaxy A22 tem uma quarta alternativa em verde, enquanto o A32 tem o azul como quarta opção.

Tela

Tela Super AMOLED com 90 Hz e recorte em formato de U do Galaxy A22 (Imagem: Ivo/Canaltech)
Tela Super AMOLED com 90 Hz e recorte em formato de U do Galaxy A22 (Imagem: Ivo/Canaltech)

Mesmo tamanho diagonal, notch igual, mesma tecnologia de painel e até a mesma taxa de atualização aumentada em 90 Hz. As telas desses dois celulares da Samsung tem apenas uma diferença: a resolução. O Galaxy A22 tem display HD+, que é cerca de 50% menor que o Full HD+ do Galaxy A32.

Isso afeta um pouco a visibilidade, e dependendo do seu tipo de exigência, pode ser que note um pouco a nitidez mais baixa no modelo mais barato. Mas, se você é daqueles que não se importa com uma densidade de pixels maior, não vai deixar de ter um belo visor.

  • Galaxy A22: Super AMOLED de 6,4 polegadas com resolução HD+ (720 x 1600 pixels), 90 Hz;

  • Galaxy A32: Super AMOLED de 6,4 polegadas com resolução Full HD+ (1080 x 2400 pixels), 90 Hz.

Além disso, ter menos pixels também afeta um pouco o desempenho e a autonomia. Mas falo sobre isso mais detalhadamente a seguir.

Os detalhes técnicos são quase iguais, com telas Super AMOLED de 6,4 polegadas, com área total de 98,9 cm². A proporção de ambos é 20:9, e a taxa de atualização é de 90 Hz, que pode ser reduzida para 60 Hz. E aí entra a diferença na densidade de pixels, já que as resoluções são diferentes. O Galaxy A22 tem 720 x 1600 pixels, com cerca de 274 ppp; e o Galaxy A32 tem 1080 x 2400 pixels, aproximadamente 411 ppp.

Tela do Galaxy A32 é muito parecida, só muda a resolução (Imagem: Ivo/Canaltech)
Tela do Galaxy A32 é muito parecida, só muda a resolução (Imagem: Ivo/Canaltech)

Câmeras

A grande diferença entre Galaxy A22 e Galaxy A32 está nas câmeras. Não apenas o conjunto é consideravelmente distinto — apesar de ambos entregarem as mesmas opções de enquadramento — como os resultados dão larga vantagem ao modelo mais caro da dupla.

  • Galaxy A22: 48 MP (f/1.8, principal) + 8 MP (f/2.2, ultra wide) + 2 MP (f/2.4, macro) + 2 MP (f/2.4, profundidade); 13 MP (f/2.2, frontal);

  • Galaxy A32: 64 MP (f/1.8, principal) + 8 MP (f/2.2, ultra wide) + 5 MP (f/2.4, macro) + 5 MP (f/2.4, profundidade); 20 MP (f/2.2, frontal).

Ao passo que o Galaxy A22 só consegue entregar fotos razoáveis a boas com o sensor principal de 48 MP, o Galaxy A32 consegue resultados decentes a bons em todas as câmeras, incluindo as selfies. E a vantagem está em todos os principais quesitos, do alcance dinâmico à riqueza de cores e nitidez.

Em resumo, se você se importa com as câmeras, quer tirar fotos bacanas para as redes sociais em diferentes tipos de enquadramento e modos — especialmente selfies —, vá de Galaxy A32. Agora, se fotografia é algo secundário, o Galaxy A22 vai entregar fotos decentes com o sensor principal. As câmeras super grande-angular (também conhecida como ultra wide), macro e até a de selfies entregam resultados bem decepcionantes neste modelo mais barato.

Em vídeo, tanto o A22 quanto o A32 têm gravação limitada à resolução 1080p (Full HD) em todas as câmeras. E aí vale um pouco do que já foi mencionado nas fotos: o alcance dinâmico do modelo mais caro é superior, e isso influencia bastante no resultado final também das gravações.

Processador e memória

Não há qualquer diferença no hardware dos dois modelos. Mas aí entra a questão da resolução, que afeta um pouco o desempenho do aparelho. No caso, o Galaxy A32 possui mais pixels para processar a cada mudança de tela, e isso pode forçar mais o processador e memórias.

  • Galaxy A22: Helio G80 Octa-core (2x 2,0 GHz Cortex-A75 + 6x 1,8 GHz Cortex-A55), Mali-G52 MC2;

  • Galaxy A32: Helio G80 Octa-core (2x 2,0 GHz Cortex-A75 + 6x 1,8 GHz Cortex-A55), Mali-G52 MC2.

Mas não há muito com o que se preocupar: o Helio G80 presente nestes aparelhos é bem capaz de lidar com as tarefas mais comuns do dia a dia e tem uma boa sobra para realizar processos mais complexos sem sofrer. Ou seja, não tem motivo para optar pelo Galaxy A22 apenas pela possibilidade de ser mais potente. Você mal vai sentir diferença no desempenho dos dois, e pode escolher pela qualidade da definição da imagem, mesmo.

Ambos rodam bem os jogos mais recentes, e com uma redução gráfica vão entregar fluidez muito boa mesmo em títulos um pouco mais pesados. E aí é bom ter em mente que o Galaxy A32 vai ter mais definição mesmo com qualidade inferior, porque sempre vai ter mais pixels para processar. Nada que influencie muito a ponto de você notar, porém.

A quantidade de memória RAM e de armazenamento interno também é tudo igual. São 4 GB deRAM e 128 GB de espaço para arquivos e aplicativos (descontando, claro, o que é reservado para o sistema). Em hardware, você realmente pode optar pelo mais barato porque vai ter, basicamente, a mesma experiência em ambos.

Bateria

A Samsung oferece a mesma capacidade de bateria, 5.000 mAh, e a mesma potência de carregamento, de 15 W, nos dois aparelhos. Ambos conseguem entregar autonomia muito boa, podendo chegar a dois dias longe da tomada sem muito esforço. Para usuários mais exigentes, dá para tirar um dia de uso sem grandes problemas.

A resolução faz uma pequena diferença aqui, e o Galaxy A32 pode entregar autonomia levemente inferior ao Galaxy A22, especialmente se você assistir a muitos vídeos. Mesmo assim, ambos vão chegar ao final de um dia de uso com carga de sobra, e quem não fica muito tempo na tela vai conseguir ficar longe da tomada por dois dias em ambos.

O tempo de carregamento vai ser igual, já que ambos utilizam um carregador de mesma potência. O adaptador de parede que vem na caixa não é fraco, mas como é bastante carga para preencher, o processo de 0% até 100% pode demorar quase 2,5 horas.

Galaxy A22 vs Galaxy A32: qual vale a pena?

O visual diferente e a mudança na dezena do nome pode dar uma boa enganada em consumidores menos ligados nas especificações do celular que vai comprar. Mas quem olha de perto, consegue notar que Galaxy A22 e Galaxy A32 são muito mais parecidos do que diferentes. É tudo uma questão de detalhe.

Então, qual dos dois escolher? Aí é você quem decide: quer um celular potente e que fica bastante tempo longe da tomada, além de ter tela com boa qualidade e ótima visualização para ambientes externos, vai de Galaxy A22. Se a câmera é um fator indispensável, o Galaxy A32 vai ser a sua melhor opção entre esses dois, sem perder nada do que o outro modelo oferece.

No geral os dois são muito bons, com tela Super AMOLED de 90 Hz, processador potente para as tarefas mais comuns e que sobra para alguns processos mais exigentes e muita bateria. O sistema é praticamente o mesmo, sendo que o Galaxy A32 tem algumas funções a mais do que seu irmão mais barato.

Mesmo assim, pode valer a pena economizar um pouco e levar o Galaxy A22. A menos, reforço, que você goste muito de tirar boas fotos e esteja com o orçamento um pouco limitado, aí o Galaxy A32 pode ser uma das melhores opções disponíveis atualmente.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos