Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.374,01
    +173,96 (+0,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Gabigol é atingido por copo de cerveja no rosto após eliminação do Flamengo

·1 min de leitura

Após a eliminação do Flamengo para o Athletico-PR no Maracanã, pela Copa do Brasil, o atacante Gabigol foi atingido por um copo de cerveja no rosto na saída de campo.

A informação foi inicialmente veiculada pelo jornalista Pedro Ivo Almeida, da "Espn", e conformada pelo EXTRA.

Gabigol voltou para tirar satisfação com o torcedor, mas recuou. Ele não se feriu com gravidade.

O atacante pediu para dar entrevista ao fim do jogo. Ele falou pouco depois de o time levar 3 a 0 do Athletico. O camisa 9 não marca há oito jogos, seu maior jejum pelo rubro-negro. E embora tenha tido uma atuação muito ruim, pediu ajuda da torcida, que vaiou o time.

- Momento complicado, difícil, a gente entende a revolta. Time é campeão, mas tem que saber perder, saber ganhar. A gente quer vencer, mas não fomos felizes. Perdemos de 3 a 0, é decepcionante. Mas o grupo já mostrou que sabe se levantar, precisa ter calma. Tem Brasileiro pela frente, tem a final da Libertadores. A torcida a meu ver tem que apoiar e ajudar. Todo mundo junto podemos seguir com eses títulos - disse, na saída de campo, em entrevista à "TV Globo".

Segundo o atacante, é hora de ter calma, e não caça às bruxas com a troca de comando. Na partida, a torcida do Flamengo xingou o técnico Renato Gaúcho e gritou pelo nome do português Jorge Jesus.

- Isso é com a diretoria. Tem que jogar, melhorar. Continuar se dedicando. A gente sempre quer mais, já mostramo iso. Não é uma derrota que vai jogar tudo para o alto. Tem que ter calma, não agir com emoção - salientou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos