Mercado abrirá em 48 mins
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,50
    +1,06 (+1,29%)
     
  • OURO

    1.779,00
    +13,30 (+0,75%)
     
  • BTC-USD

    62.242,07
    +784,29 (+1,28%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.452,70
    +1,07 (+0,07%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.209,56
    +5,73 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.346,25
    +55,75 (+0,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4182
    +0,0267 (+0,42%)
     

G20 só alcançou unanimidade sobre acordo tributário global no último minuto, diz fonte da Alemanha

·1 minuto de leitura

BERLIM (Reuters) - Nem todos os membros do G20 formado pelas principais economias apoiavam a reforma de um imposto global até pouco antes de ele ser finalizado com um acordo entre 136 países na sexta-feira, disse nesta segunda-feira uma fonte do governo alemão.

Fazer com que todos os membros europeus envolvidos concordassem com o pacto foi crucial para garantir que ele possa ser implementado em todo o bloco, disse a fonte, acrescentando: "Esse é um passo à frente considerável."

O acordo busca acabar com uma guerra fiscal de quatro décadas ao determinar um piso para países que buscavam atrair investimento e empregos ao aplicar taxas leves a multinacionais, efetivamente permitindo que elas buscassem alíquotas tributárias baixas.

(Reportagem de Christian Kraemer)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos