Mercado fechado

Futuros de taxas de juros nos EUA ampliam altas após Powell e embutem múltiplos cortes de juros para este ano

Operador na Bolsa de Valores de Nova York durante anúncio do mais recente corte da taxa de juros norte-americana pelo Fed

(Reuters) - Os contratos futuros de taxas de juros dos Estados Unidos dispararam a novas máximas depois de o chairman do Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos), Jerome Powell, afirmar que a autoridade monetária está monitorando de perto os avanços do surto de coronavírus e que "usaria suas ferramentas e atuaria conforme apropriado para apoiar a economia".

Os preços dos contratos futuros de taxas de juros têm subido nos últimos dias, com a aposta dos investidores de que o Fed irá responder ao maior risco advindo do coronavírus com cortes nas taxas de juros e outras formas de afrouxamento da política monetária para lidar com a crescente pressão em torno das condições financeiras.

Segundo a ferramenta FedWatch, do CME Group, operadores de juros futuros veem agora uma chance em 100% de o Fed reduzir as taxas no próximo encontro dos formuladores de política monetária, nos dias 17 e 18 e março, em Washington. O juro básico nos EUA está entre 1,50% e 1,75%.

Os preços futuros refletiam uma chance aproximada de 50% tanto para um corte de 25 pontos-base quanto para um de 50 pontos-base.

(Por Dan Burns)