Mercado fechará em 3 h 50 min

Fundador de empresa de criptomoedas morre inesperadamente e choca a indústria

Tiantian Kullander. Fonte: Amber Group/Reprodução.
Tiantian Kullander. Fonte: Amber Group/Reprodução.

Através de seu site oficial, a empresa de criptomoedas Amber Group anunciou a morte de seu fundador, Tiantian Kullander, na última quarta-feira (23). Também conhecido como TT, o empreendedor tinha apenas 30 anos, e sua morte foi classificada como “inesperada”.

As informações apontam que Kullander estava dormindo quando veio a falecer, mas não revela as possíveis causas de sua morte.

Pedindo por privacidade neste momento tão difícil, pessoas próximas a Kullander o descreveram como um “marido dedicado, um pai amoroso e um amigo feroz”. Kullander deixa sua esposa e um filho, além de um legado na indústria.

A história de Tiantian Kullander

Listado no Forbes 30 Under 30, lista que busca reconhecer as pessoas mais importantes em diversas áreas do empreendedorismo, Tiantian Kullander fundou a Amber Group em 2017, levando a mesma ao crescimento nos anos seguintes.

Em setembro deste ano, a Amber Group havia arrecadado US$ 200 milhões em investimentos, fazendo com que a empresa fosse avaliada em US$ 3 bilhões, triplicando seu valor em cerca de sete meses.

Além da Amber Group, Tiantian também estava envolvido em outros projetos. Como destaque, estava trabalhando como membro do conselho da Fnatic, famosa organização de esportes eletrônicos. Outro empreendimento era a KeeperDAO, também fundada por ele assim como a Amber Group.

Antes disso, o empreendedor também havia trabalhado tanto no Morgan Stanley quanto no Goldman Sachs, como trader de mercados emergentes e com negociação de crédito estruturado, respectivamente.

Além de seu legado nas criptomoedas, Tiantian Kullander deixa sua esposa e seu filho, bem como diversos amigos e companheiros de trabalho que o referem como um “pilar” do sucesso de sua empresa.

“TT era um marido dedicado, um pai amoroso e um amigo feroz. Sua morte é uma tragédia e nossos pensamentos e orações estão com sua família.”

Por fim, esta é a segunda morte no setor de criptomoedas que chama a atenção da comunidade nos últimos meses. Em outubro, Nicolai Arcadie Muchgian, co-fundador da MakerDAO, foi encontrado morto em uma praia em Porto Rico.

O desenvolvedor tinha apenas 29 anos e, como destacado pela comunidade, ele estava preocupado de que a CIA, organização de inteligência dos EUA, estaria preparando a sua morte.

Fonte: Livecoins

Veja mais notícias sobre Bitcoin. Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.