Mercado fechado
  • BOVESPA

    109.154,61
    +52,62 (+0,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.570,14
    -938,21 (-1,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,94
    -0,61 (-0,71%)
     
  • OURO

    1.831,80
    -10,80 (-0,59%)
     
  • BTC-USD

    38.064,51
    -4.863,98 (-11,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    893,70
    +651,02 (+268,27%)
     
  • S&P500

    4.405,51
    -77,22 (-1,72%)
     
  • DOW JONES

    34.308,58
    -406,81 (-1,17%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.965,55
    +13,20 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.522,26
    -250,67 (-0,90%)
     
  • NASDAQ

    14.506,25
    -334,75 (-2,26%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1864
    +0,0563 (+0,92%)
     

França vai aliviar regras de isolamento por covid-19 para vacinados

·1 min de leitura
Homem usa máscara em frente a um cartaz exigindo o acessório em frente a uma loja em Lille, França, 20 de julho de 2020 (AFP/DENIS CHARLET)

A França vai aliviar a partir da segunda-feira (3) as regras de isolamento para as pessoas com covid-19 e seus contatos quando tiverem o esquema vacinal completo a fim de preservar a vida socioeconômica do país, anunciou o governo.

Segundo as novas regras, as pessoas que testarem positivo e estiverem com o esquema vacinal completo deverão se isolar por sete dias e não dez, como ocorre atualmente.

Não haverá necessidade de quarentena para as pessoas de contato com o esquema de vacinação completo, embora tenham que respeitar as regras de uso de máscaras e distanciamento social e "fazer testes regulares", explicou o ministro da Saúde, Olivier Véran, em entrevista ao Journal du Dimanche.

A mudança das regras responde à necessidade de "se levar em conta a evolução extremamente rápida da transmissão da variante ômicron na França" e permitir "ter um equilíbrio de custo-benefício visando a assegurar o controle dos contágios, enquanto se preserva a vida socioeconômica", explicou o ministério de Saúde em um comunicado.

A pasta destacou, ainda, que os primeiros dados virológicos apontam a "um período de incubação da variante ômicron mais rápida do que as variantes anteriores, o que favorece uma redução da duração do isolamento".

As pessoas que testarem positivo e não tiverem completado o esquema vacinal deverão se isolar por dez dias.

Será mantida, ainda, uma quarentena de sete dias para os contatos de uma pessoa contagiada que não tiverem completado o esquema vacinal e estes deverão obter um exame negativo após este período para poderem sair do isolamento.

cel/ao/roc/am/mas/gm/mvv

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos