Mercado fechará em 1 h 58 min

França lidera queda de ações europeias no início de super semana para bancos centrais

(Exclui cotação do mercado londrino, que está fechado nesta segunda-feira por causa do funeral da rainha Elizabeth)

Por Shreyashi Sanyal

(Reuters) - As ações francesas arrastavam os mercados europeus para baixo nesta segunda-feira depois que dois grandes grupos de TV desistiram de um plano de fusão, em um início de semana sombrio que pode ver um grande aumento da taxa de juros pelo Federal Reserve e uma série de outros reuniões do banco central.

As ações da TF1 caíam 3,2% e da M6 recuavam 4,5% após o colapso dos planos de fusão entre as empresas de TV francesas, que avaliaram que as exigências dos órgãos antitruste tornavam o negócio irrelevante.

O índice de ações blue-chip da zona do euro caiu 1% mais cedo, com o grupo de luxo francês LVMH e a fabricante de semicondutores ASML liderando as perdas.

As ações de tecnologia sensíveis à taxa caíram 0,9% antes da decisão de política monetária do banco central dos EUA na quarta-feira. A maioria dos participantes do mercado espera que o Fed entregue um terceiro aumento consecutivo de 75 pontos base.

"Os investidores parecem estar preocupados com as próximas reuniões do banco central", disse Patrick Armstrong, diretor de investimentos da Plurimi Wealth.

A maioria dos bancos reunidos esta semana -da Suíça à África do Sul- devem subir os juros, com os mercados divididos sobre se o Banco da Inglaterra vai fazer um aperto de 50 ou 75 pontos base.

. O índice FTSEurofirst 300 tinha queda de 0,94%, a 1.597 pontos.

. Em FRANKFURT, o índice DAX caía 0,96%, a 12.618 pontos.

. Em PARIS, o índice CAC-40 perdia 1,54%, a 5.983 pontos.

. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib tinha desvalorização de 1,43%, a 21.794 pontos.

. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrava baixa de 0,87%, a 7.915 pontos.

. Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizava-se 1,55%, a 5.754 pontos.