Mercado abrirá em 2 h 6 min
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,10
    +0,33 (+0,63%)
     
  • OURO

    1.851,60
    -3,60 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    31.536,18
    -832,10 (-2,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    637,86
    -9,47 (-1,46%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.683,04
    +44,19 (+0,67%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.546,18
    -276,11 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.436,50
    -39,00 (-0,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6920
    +0,0558 (+0,84%)
     

Foxconn vai montar carros elétricos em parceria com Byton

·1 minuto de leitura
Foxconn

PEQUIM (Reuters) - A startup chinesa Byton, a Foxconn, fornecedora da Apple, e a Zona de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de Nanjing concordaram em começar a montar utilitários esportivos elétricos em 2022, segundo comunicado divulgado nesta segunda-feira.

Young Liu, presidente da Foxconn, disse no comunicado que a parceria com a Byton será uma parte fundamental na estratégia da Foxconn na indústria de veículos elétricos.

A empresa anunciou no ano passado planos de formar uma joint venture com a Fiat Chrysler para montar carros elétricos e desenvolver veículos conectados à Internet na China, mas não fez grandes anúncios sobre a parceria desde então.

A Foxconn disse em outubro que pretendia fornecer componentes ou serviços para 10% dos veículos elétricos do mundo entre 2025 e 2027.

Apoiada pela montadora estatal FAW Group e fornecedora de baterias Contemporary Amperex Technology, a Byton estava construindo uma montadora na cidade de Nanjing antes de suspender a produção em julho para uma reorganização da empresa.

A Byton foi lançada em setembro de 2017 pela Future Mobility, empresa co-fundada por ex-executivos da BMW e Nissan, e também tem software e instalações de design nos Estados Unidos e na Alemanha.

A Bloomberg publicou nesta segunda que a empresa listada da Foxconn, Hon Hai Precision, planeja investir 200 milhões de dólares na Byton, citando uma fonte familiarizada com o assunto. A Byton não quis comentar o assunto.

(Reportagem de Yilei Sun e Brenda Goh)