Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.669,90
    -643,33 (-0,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.627,67
    -560,48 (-1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,34
    -0,26 (-0,44%)
     
  • OURO

    1.744,10
    -14,10 (-0,80%)
     
  • BTC-USD

    60.722,04
    +2.173,84 (+3,71%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.235,89
    +8,34 (+0,68%)
     
  • S&P500

    4.128,80
    +31,63 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    33.800,60
    +297,03 (+0,89%)
     
  • FTSE

    6.915,75
    -26,47 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    28.698,80
    -309,27 (-1,07%)
     
  • NIKKEI

    29.768,06
    +59,08 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    13.811,00
    +63,25 (+0,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7625
    +0,1276 (+1,92%)
     

Fortescue e empresas apoiadas pela EIG assinam MoU para explorar o desenvolvimento conjunto de uma planta de hidrogênio verde no Brasil

·5 minuto de leitura

A EIG, um investidor institucional líder no setor de energia global, e a Prumo Logística SA ("Prumo"), uma empresa privada brasileira controlada pela EIG, anunciaram hoje a assinatura de um Memorando de Entendimento ("MoU") entre a subsidiária da Prumo, Porto do Açu Operações SA ("Porto do Açu" ou "Porto"), e Fortescue Future Industries Pty Ltd ("FFI"). A FFI é uma subsidiária integral da Fortescue Metals Group Ltd ("Fortescue").

De acordo com os termos do MoU, as partes realizarão conjuntamente estudos de viabilidade para a instalação de uma planta de hidrogênio verde no Porto do Açu, o maior complexo industrial portuário privado de águas profundas da América Latina, marcando um grande passo para o desenvolvimento de um sistema capaz de produzir hidrogênio verde em escala industrial. O MoU também estabelece as bases para projetos de desenvolvimento de energia solar local e eólica offshore nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo.

A planta de hidrogênio verde proposta teria 300 megawatts de capacidade com potencial para produzir 250.000 toneladas métricas de amônia verde. A disponibilidade de hidrogênio verde e energia renovável deve impulsionar a industrialização sustentável no Porto, incluindo a produção de aço verde, fertilizantes, produtos químicos, combustíveis e outros produtos industriais manufaturados de forma sustentável. Se o projeto avançar, vai acelerar a descarbonização de setores difíceis de abater, como transporte, manufatura e indústria pesada.

A CEO da FFI, Julie Shuttleworth, disse: "A FFI está avaliando oportunidades de energia renovável e hidrogênio verde em todo o mundo e irá liderar e impulsionar a indústria de produtos e energia verde à medida que nos afastamos dos combustíveis fósseis. Tenho o prazer de anunciar este MOU com o Porto do Açu. A oportunidade de estabelecer indústrias de grande escala totalmente novas e futuras impulsionará o crescimento da economia brasileira. Esperamos que o potencial para novas indústrias verdes no Porto do Açu diversifique, amplie e aprofunde substancialmente a força de trabalho já qualificada do Brasil."

Carlos Tadeu Fraga, CEO da Prumo, disse: "Estamos entusiasmados com a parceria com a FFI neste projeto emocionante, que nos permite explorar novas oportunidades no espaço de hidrogênio verde em crescimento. Esta parceria é o mais recente marco na missão da Prumo de construir um complexo portuário que promova o progresso econômico e social por meio da otimização sustentável do desenvolvimento dos ativos de energia e infraestrutura do Brasil. Já estamos bem posicionados para cumprir essa missão, e este projeto nos ajudaria a realizar ainda mais essas ambições no Brasil e em toda a região."

R. Blair Thomas, CEO da EIG e Presidente do Conselho de Diretores da Prumo, disse: "Temos o prazer de dar as boas-vindas à FFI como parceira em apoio a este projeto de energia verde potencialmente inovador. Estamos percebendo um enorme progresso no Porto e acreditamos que a Prumo, com sua lista de parceiros e clientes de classe mundial, está preparada para ser líder na transição energética da América Latina."

Sobre o Porto do Açu

O Porto do Açu é o maior complexo portuário-industrial privado de águas profundas da América Latina. Em operação desde 2014, o Porto do Açu é administrado pela Porto do Açu Operações, uma parceria entre a Prumo Logística e o Porto de Antuérpia Internacional, subsidiária da Autoridade Portuária de Antuérpia. Prevista para os próximos cinco anos, a industrialização do porto terá como base, entre outros, projetos sustentáveis e geração de energia limpa: produtos químicos, combustíveis, pelotização, siderurgia e outras empresas poderão utilizar o hidrogênio verde como insumo para tornar mais sua matriz energética sustentável.

Sobre a Prumo Logística

A Prumo é o grupo econômico multiempresarial responsável pelo desenvolvimento estratégico do Porto do Açu. Somos controlados pelo EIG, um fundo com sede nos Estados Unidos com foco em energia e infraestrutura, e pela Mubadala Investment Company, um investidor ativo e inovador que aloca capital em uma variedade de segmentos. Por meio das 6 empresas do Grupo (Porto do Açu Operações, Ferroport, Açu Petróleo, GNA, Dome e BP Prumo) e de nossos clientes e parceiros, o Porto do Açu atende os segmentos de petróleo e gás, logística portuária e mineração. Sua infraestrutura tem potencial ímpar para suportar novos negócios e diversos nichos industriais. Orientado pela perspectiva estratégica da Prumo, Açu é hoje um dos maiores e mais promissores empreendimentos do Brasil. Com segurança e eficiência operacional aliadas à força da visão de longo prazo do Grupo e à proximidade das principais bacias exploratórias de petróleo, Açu se consolida na melhor solução para as demandas mais desafiadoras.

Sobre a EIG

A EIG é um investidor institucional líder no setor de energia global com US $ 22,0 bilhões sob gestão em 31 de dezembro de 2020. A EIG é especializada em investimentos privados em energia e infraestrutura relacionada à energia em uma base global. Durante seus 39 anos de história, a EIG comprometeu mais de US $ 34,9 bilhões para o setor de energia por meio de mais de 365 projetos ou empresas em 36 países em seis continentes. Os clientes da EIG incluem muitos dos principais planos de pensão, seguradoras, doações, fundações e fundos de riqueza soberana nos EUA, Ásia e Europa. A EIG está sediada em Washington, D.C. com escritórios em Houston, Londres, Sydney, Rio de Janeiro, Hong Kong e Seul. Para obter informações adicionais, visite o site do EIG em www.eigpartners.com.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Ver a versão original em businesswire.com: https://www.businesswire.com/news/home/20210316006091/pt/

Contacts

Prumo:
Vanessa Teixeira – Gerente Geral, MarComm
E: vanessa.teixeira@prumologistica.com.br

EIG:
Kelly Kimberly/Brandon Messina, Sard Verbinnen & Co.
E: EIG-SVC@sardverb.com
T: +1 (212) 687-8080