Mercado fechado

Ford Ranger Raptor vira viatura e perseguirá criminosos até na lama

feedback@motor1.com (Dyogo Fagundes)
Ford Ranger Raptor - Polícia Reino Unido

Os policiais do Reino Unido agradecem

Desenvolvida como veículo de performance off-road para uso recreativo, a versão Raptor da picape Ranger desempenhará uma outra tarefa no Reino Unido a partir de agora: perseguir criminosos em trechos de difícil acesso das áreas rurais do país. Junto com a perua Focus ST, a camionete está sendo integrada à frota de viaturas da região de Gales do Sul para um período de experiência, podendo ganhar cadeira cativa na corporação posteriormente (a exemplo de modelos como Escort, Capri, Focus e Transit). "A Ranger Raptor reúne atributos mais do que suficientes para perseguir criminosos que possam eventualmente escapar por trechos de cascalho, lama e areia", disse a Ford.

Já preparada de fábrica pelos engenheiros da Ford Performance, a Ranger Raptor precisou apenas do tradicional uniforme britânico para se tornar apta ao serviço. Nesse sentido, recebeu adesivos com a tradicional pintura da polícia local, luzes de emergência e sirenes. Sob o capô, segue o motor 2.0 biturbodiesel de 213 cv que garante velocidade máxima de 169 km/h e capacidade off-road acima da média. A marca destaca ainda a presença de amortecedores da Fox, do modo Baja de corrida no deserto e da carroceria mais resistente a impactos, como pequenas rochas. Completam o pacote pneus off-road, proteções adicionais sob a carroceria e controle de tração inteligente.

Leia também:

Além da Raptor, os policiais também terão à disposição a perua Focus ST equipada com motor 2.3 EcoBoost de 280 cv. Neste caso, dados de fábrica indicam aceleração de 0 a 100 km/h em menos de 6 segundos e velocidade máxima de 250 km/h. O uso será em perseguições rodoviárias e trechos urbanos.

Infelizmente, a Ford do Brasil não tem a Ranger Raptor nos planos para nosso mercado, enquanto na Argentina a versão invocada da picape é oferecida desde setembro.