Mercado abrirá em 42 mins
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,51
    +1,07 (+1,30%)
     
  • OURO

    1.776,90
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    62.163,05
    +720,59 (+1,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.450,70
    -0,94 (-0,06%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.209,06
    +5,23 (+0,07%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.345,50
    +55,00 (+0,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4196
    +0,0281 (+0,44%)
     

Ford deve lançar furgão elétrico ou híbrido no Brasil em breve

·2 minuto de leitura

A Ford confirmou que irá trazer a Ford Transit para o Brasil, um de seus principais carros comerciais vendidos globalmente. O diferencial, porém, é que a montadora planeja importar não apenas as variantes a combustão, mas também as eletrificadas, já que essa estratégia faz parte dos planos de expansão da marca no segmento de veículos elétricos e híbridos globalmente.

Em anúncio realizado nesta semana, a montadora revelou a criação da Divisão de Veículos Comerciais no Brasil, que vai atuar como parte da nova organização global Ford Pro, dedicada ao segmento profissional. Esse setor dentro da empresa será responsável por administrar os vindouros veículos comerciais vendidos aqui, o que engloba as possíveis variantes eletrificadas da Transit.

Caso essa estratégia seja confirmada, o Brasil pode receber a Transit Custom Plug-in Hybrid, que une uma bateria de 13,6 kWh e um motor elétrico de 126 cv de potência e 36,1 kgfm de torque a um propulsor 1.0 EcoBoost. Nessa variante, o furgão pode percorrer mais de 500 quilômetros, sendo que 56km apenas no modo zero emissão, o suficiente para o uso em entregas regionais e urbanas, além do transporte de passageiros, a depender da configuração interna.

Já a versão elétrica tem uma autonomia menor, mas é bem mais forte e ágil. Segundo a montadora, a e-Transit conta com uma bateria de 67 kWh e motor elétrico de 270 cv e 43,8 kgfm. A autonomia, por sua vez, é de até apenas 202 quilômetros, o que a restringe para uso estritamente urbano. Tanto a versão 100% elétrica quanto a híbrida plug-in já foram lançadas nos Estados Unidos.

(Imagem: Divulgação/Ford)
(Imagem: Divulgação/Ford)

A Ford não deu detalhes técnicos da Transit a combustão, que será fabricada no Uruguai e vai atender toda a América Latina.

Conectada

Mesmo na versão a combustão, a nova Ford Transit será bem tecnológica e conectada. Esse furgão é o primeiro a vir com um modem embarcado, o FordPass Connect, que, aliado a um app de celular, agiliza os serviços dos usuários e dá informações do veículo em tempo real, como o status geral e localização, além de enviar comandos remotos como partida, climatização e travamento das portas.

Outra função importante é o alerta de modos de falha. O modem embarcado trabalha conectado com todos os sistemas eletrônicos da Transit e pode identificar mais de 3 mil modos de falha, desde falta de água no reservatório do limpador de para-brisa ou pneu descalibrado, por exemplo, até variações no desempenho do motor. Além de gerar um alerta no celular, ele orienta o que é preciso fazer para corrigir o problema.

A Ford não confirmou a data de lançamento e os preços da Transit, mas deve fazer isso e confirmar a chegada dos modelos eletrificados ao Brasil em breve.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos