Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,91 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,62 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    +2,79 (+2,68%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    21.712,13
    +357,88 (+1,68%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,32 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,19 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,72 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    +395,25 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5524
    +0,0407 (+0,74%)
     

Ford anuncia US$ 3,7 bi em investimentos e 6.200 novos empregos nos EUA

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A Ford anunciou, nesta quinta-feira (2), sua intenção de investir 3,7 bilhões de dólares e criar 6.200 empregos no norte dos Estados Unidos para acelerar a produção de veículos elétricos e também lançar novos modelos com motores a combustão.

A fabricante automobilística americana também prevê contratar em definitivo 3.000 funcionários que atualmente ocupam postos temporários, informou o grupo em comunicado.

A expansão está sendo implementada nas fábricas já existentes em Ohio, Michigan e Missouri, estados do centro-norte do país, a mesma região em que fica a sede da companhia e onde atua o poderoso sindicato automobilístico UAW.

Por sua vez, os grandes projetos relacionados com os veículos elétricos estão sendo instalados em estados mais ao sul, onde os empregados são tradicionalmente menos sindicalizados.

A própria Ford havia anunciado em setembro, junto com a sócia sul-coreana SK Innovation, um investimento de 11,4 bilhões de dólares e a criação de 11.000 postos de trabalho para três fábricas de baterias e uma de produção de veículos em Kentucky e Tennessee.

O presidente americano, Joe Biden, que impulsiona a transição para veículos sem emissões de CO2, tem insistido repetidamente que os novos postos de trabalho neste segmento estejam representados por um sindicato.

Com seu novo investimento, a Ford prevê aumentar a produção de versões elétricas da popular picape F-150 e da van Transit, e lançar um novo veículo elétrico para profissionais até 2025.

A empresa leva alguns anos em sua transição para este segmento em crescimento, com o objetivo inicial de investir 50 bilhões de dólares e fabricar dois milhões de veículos elétricos por ano até 2026.

Mas a fabricante também mantém o foco nos veículos com motor a combustão. Com este novo investimento, prevê lançar novas versões da picape Ranger e do Mustang coupé, além de aumentar a produção da Transit.

jum/juj/er/atm/dl/rpr/mvv

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos