Mercado abrirá em 7 h 10 min

FMI diz que PIB mundial vai encolher mais do que o previsto

Funcionária da companhia aérea alemã Lufthansa protesta por plano de resgate à empresa atingida pela crise do COVID-19. (Foto: Tobias SCHWARZ / AFP)

O Fundo Monetário Internacional (FMI), órgão econômico transnacional que realiza empréstimos para países com problemas, divulgou novas previsões relacionadas ao estado econômico global nos próximos meses, e as notícias não são boas. O FMI prevê um encolhimento maior do PIB mundial, de 4,9% em 2020. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News 

Em abril, as expectativas do Fundo já eram de contração, mas uma contração menor, de 3%. Essa é a maior queda no PIB global desde a Grande Depressão de 1929.

Leia também

Segundo o FMI, as mudanças nos cálculos foram motivadas pela continuidade nos problemas econômicos causados pela pandemia do COVID-19. Uma diminuição generalizada na demanda, causada por medidas de quarentena e de proteção à saúde pública, além de choques na cadeia de suprimentos, seriam alguns dos motivos para o pessimismo do FMI. 

Para 2021, o Fundo projeta crescimento global, mas também corrigiu para baixo as expectativas: 5,4%, queda em relação aos 5,8% divulgados anteriormente.

“Com o espalhamento contínuo da pandemia, a perspectiva de consequências negativas de longo prazo para vidas, segurança de trabalho e desigualdade torna-se mais preocupante”, conclui o relatório.

O FMI avisa ainda que a retomada dos mercados de ações aparentemente está “desconectada” dos indicadores econômicos de longo prazo.

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.