FMI desbloqueia 3,24 bilhões de euros para resgate da Grécia

Washington, 16 jan (EFE).- O Fundo Monetário Internacional (FMI) anunciou nesta quarta-feira o desbloqueio de 3,24 bilhões de euros dentro do plano de resgate à Grécia após completar a revisão do desenvolvimento do programa de reformas do Governo grego.

O diretório executivo decidiu desbloquear o dinheiro como parte do novo mecanismo aprovado em março do ano passado, conhecido como Serviço Ampliado do Fundo (EFF, na sigla em inglês), que tem um período de reembolso mais flexível e dilatado no tempo que os acordos do primeiro plano de resgate.

Com este novo desembolso, já são 4,86 bilhões de euros os desbloqueados dentro do programa para a Grécia por parte do FMI.

No total, o programa, no qual participam o FMI, a Comissão Europeia e o Banco Central Europeu, é de 172 bilhões de euros para ajudar à Grécia a reduzir o peso da dívida pública com relação ao Produto Interno Bruto (PIB) nos próximos quatro anos.

O FMI desejava que a dívida grega se situasse em 120 % do PIB em 2020, mas perante o receio dos credores europeu de aceitar mais perdas a Comissão Europeia considera que se deve ser mais flexível com o objetivo de dívida em 2020.

Por sua parte, o Parlamento grego continua com as medidas de austeridade e altas de impostos adicionais com o objetivo de alcançar um caminho sustentável para a dívida do país. EFE

Carregando...