Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.564,44
    +1.852,44 (+1,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.399,80
    +71,60 (+0,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,32
    -0,31 (-0,47%)
     
  • OURO

    1.786,90
    +2,60 (+0,15%)
     
  • BTC-USD

    56.992,84
    +2.929,39 (+5,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.457,26
    +51,96 (+3,70%)
     
  • S&P500

    4.167,59
    +2,93 (+0,07%)
     
  • DOW JONES

    34.230,34
    +97,31 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.039,30
    +116,13 (+1,68%)
     
  • HANG SENG

    28.417,98
    -139,16 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    28.812,63
    -241,37 (-0,83%)
     
  • NASDAQ

    13.478,50
    -12,50 (-0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4268
    -0,1125 (-1,72%)
     

Fluminense vence Nova Iguaçu em dia histórico para Fred, que chega a 400 gols na carreira

Marcello Neves
·2 minuto de leitura

A festa estava pronta. O tapete vermelho — tingido do verde do gramado do Maracanã — esperava pelo artilheiro. Era #FredDay, como o próprio Fluminense intitulou em campanha nas redes sociais, e a vitória não poderia acontecer sem passar pelos seus pés. Aos 17 minutos do segundo tempo, Fred marcou, atingiu a marca histórica de 400 gols como profissional e foi decisivo na vitória tricolor por 3 a 1 diante do Nova Iguaçu, ontem. Kayky e John Kennedy também marcaram e Anderson Kunzel descontou.

Com 400 gols na carreira, Fred atinge um status que apenas dez atletas em atividade no futebol mundial detém atualmente. E o próximo recorde está a poucos tentos de distância: com 182 gols pelo Fluminense, está a dois de igualar os números de Orlando Pingo de Ouro e se tornar o segundo maior artilheiro da história tricolor.

Mas antes, Fred viu um garoto de apenas 17 anos brilhar. O Fluminense não estava fazendo uma boa partida até Kayky chamar a responsabilidade. Se o trabalho coletivo não funcionava, muito por causa da postura do Nova Iguaçu de se fechar na defesa e apostar os contra-ataques, brilhou o talento individual.

Logo no início do segundo tempo, a joia de Xerém demonstrou habilidade para driblar quatro jogadores dentro da área antes de bater com categoria na saída do goleiro. As camêras da televisão até flagraram Fred brincando com o jovem, quase reclamando do garoto, que por segundos roubou o protagonismo do espetáculo.

Mas era dia de Fred, e o camisa 9 recebeu um verdadeiro presente dos companheiros. Quando Luiz Henrique recebeu pela esquerda, e Nenê deu passe açucarado, o camisa 9 soltou a bomba e marcou o 400º da carreira.

No meio da comemoração, Anderson Künzel ainda descontou para o Nova Iguaçu. Nada, no entanto, que atrapalhasse a festa porque John Kennedy, no fim, marcaria o terceiro para o Fluminense.

Com o resultado, o tricolor é o 4º colocado com 16 pontos e pode garantir classificação antecipada às semifinais já na próxima rodada. Basta vencer o Botafogo, no próximo domingo.