Mercado fechará em 4 h 26 min

Flamengo negocia com reforço do City Group indicado por Domènec

Domènec Torrent é esperado na segunda-feira no Rio de Janeiro (Andy Mead/Getty Images)

Antes mesmo de ser anunciado como novo técnico do Flamengo, Domènec Torrent já indicou um reforço a Marcos Braz e Bruno Spindel. O Blog apurou, inclusive, que o atleta pedido pelo novo comandante rubro-negro faz parte do City Football Group, empresa responsável por gerir Manchester City, New York City e outros sete times espalhados pelo mundo.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

A cúpula do City Football Group já foi comunicada sobre a intenção de Domènec levar tal jogador para o Flamengo e as negociações estão em andamento, embora o nome e a posição do atleta sejam mantidos em sigilo. Procurado, Marcos Braz despistou sobre as tratativas para reforçar o elenco.

Leia também:

E descobrir quem é o alvo não é missão fácil, já que o técnico esteve no New York City de 2018 a 2019, passou pelo Manchester City antes e vive em Girona, cidade espanhola onde está um dos nove clubes do City Football Group.

Se o nome indicado por Domè for de alguém com quem trabalhou no New York City, a busca pode girar em cima dos seguintes atletas: Héber, Medina, Castellanos e Matarrita. Meses atrás, enquanto negociava a possibilidade de assumir um time nos Estados Unidos, o espanhol encheu a bola do quarteto.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Todos os citados são latino-americanos. O centroavante Héber, inclusive, é brasileiro, tem 28 anos de idade e números bem importantes no New York. Neste ano, por exemplo, são cinco jogos e três gols, enquanto anotou 15 em 26 partidas na temporada passada. O fato de jogar como um camisa 9, porém, reduz suas chances de ser o alvo.

Já Medina é um meia-atacante paraguaio, está com 23 anos de idade e chegou a Nova Iorque em 2018 depois de brilhar no Libertad. Com passagem por todas as categorias de base e um jogo na seleção principal do Paraguai, o atleta custou US$ 3 milhões.

Por sua vez, Castellanos atua como atacante de velocidade, é argentino e tem 21 anos. Chegou ao New York, inclusive, na era Domè. Por fim, Matarrita é costarriquenho, 26 anos e joga como lateral e ponta-esquerda.

Veja mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube