Mercado fechado
  • BOVESPA

    109.620,22
    +2.241,30 (+2,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.870,32
    +603,12 (+1,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    44,84
    +1,78 (+4,13%)
     
  • OURO

    1.803,00
    -34,80 (-1,89%)
     
  • BTC-USD

    19.118,55
    +666,59 (+3,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    380,23
    +10,48 (+2,83%)
     
  • S&P500

    3.635,02
    +57,43 (+1,61%)
     
  • DOW JONES

    30.041,16
    +449,89 (+1,52%)
     
  • FTSE

    6.432,17
    +98,33 (+1,55%)
     
  • HANG SENG

    26.588,20
    +102,00 (+0,39%)
     
  • NIKKEI

    26.165,59
    +638,22 (+2,50%)
     
  • NASDAQ

    12.074,75
    +169,50 (+1,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3893
    -0,0510 (-0,79%)
     

Flamengo busca empate para garantir 1º lugar na Libertadores

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Já classificado para as oitavas de final da Copa Libertadores da América, o Flamengo enfrenta o Junior Barranquilla nesta quarta-feira (21), às 21h30, no Maracanã, pela última rodada do Grupo A. O time brasileiro joga por um empate para assegurar a liderança da chave. Com 12 pontos em cinco partidas, o Flamengo tem três de vantagem sobre o Independiente del Valle, o vice-líder do Grupo A. Como o saldo de gols de ambos é igual (4), o time rubro-negro depende de mais um ponto para não ser ultrapassado pelos equatorianos. A primeira colocação na chave dá o direito de enfrentar no mata-mata um time que ficou em segundo lugar na primeira fase, além de poder fazer a segunda partida em casa. Para enfrentar o Junior, o Flamengo deve preservar alguns atletas. O time de Domènec Torrent está passando por uma grande maratona de jogos e precisa providenciar descanso para alguns deles. No fim de semana, a equipe rubro-negra tem confronto direto com o Internacional que vale a liderança do Campeonato Brasileiro. Com isso, os laterais Isla e Filipe Luís, os volantes Willian Arão e Thiago Maia e o centroavante Pedro devem ser poupados. Eles se unem aos desfalques certos de Gabigol, Arrascaeta, Gustavo Henrique e Diego Alves, todos contundidos. A dúvida na escalação está na defesa, já que Rodrigo Caio ainda não está 100% para voltar a atuar. Léo Pereira está disponível, mas os novatos Natan e Gabriel Noga também têm chance de atuar. As demais novidades são os laterais Matheuzinho e Renê, o meio-campista Diego, o centroavante Lincoln e o atacante Vitinho, que deve jogar outra vez mais recuado, fazendo a função que era de Arrascaeta. O Junior Barranquilla não chega ao Maracanã sem pretensões. O time colombiano tem uma pequena chance de classificação para as oitavas de final. Para isso, precisa ganhar do Flamengo, torcer para o Del Valle ser derrotado pelo Barcelona de Guayaquil e tirar um saldo de seis gols de diferença. A possibilidade mais provável, porém, é assegurar um lugar na Copa Sul-Americana. Com seis pontos, o Junior tem três de vantagem para o Barcelona e depende de um empate para obter a vaga que é destinada ao terceiro colocado de cada chave. FLAMENGO Hugo; Matheuzinho, Rodrigo Caio (Natan), Léo Pereira (Gabriel Noga), Renê; Gerson, Diego, Everton Ribeiro, Vitinho; Lincoln, Bruno Henrique. T.: Domènec Torrent JUNIOR BARRANQUILLA Sebastián Vieira; Piedrahita, Rosero, Mera, Fuentes; Cárdenas, Pico, Cetré, González; Teo Gutiérrez, Borja. T.: Luis Amaranto Perea Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ) Horário: 21h30 desta quarta-feira Juiz: Patricio Loustau (ARG)