Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    58.144,61
    +171,67 (+0,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,07
    +44,28 (+3,08%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

Fitbit anuncia que removerá suporte a login via Facebook

Renan da Silva Dores
·2 minuto de leitura

Uma das principais marcas de wearable do mercado, a Fitbit esteve nas manchetes recentemente com a estreia da Fitbit Luxe, smartband focada no luxo. Sua construção é bastante premium, incluindo tela AMOLED, assim como a experiência oferecida ao consumidor, com o conjunto contando com caixa de aço inoxidável e inúmeras opções de pulseiras dos mais variados preços.

A empresa volta agora a chamar a atenção, com a mais nova medida que tomou em relação ao sistema de login dos serviços que oferece. Em comunicado aos usuários que tentam acessar a página da fabricante, a Fitbit revelou que removerá o suporte à vinculação de contas com o Facebook.

Facebook deixará de ser opção de login

Na página de login do site da Fitbit, uma mensagem passou a ser exibida confirmando que em breve não será mais possível se conectar utilizando o Facebook. O comunicado pede ainda aos usuários que se preparem sabendo o e-mail e a senha utilizados para se cadastrar no sistema. Um prazo para o encerramento da vinculação não chegou a ser revelado.

Além de comunicar a remoção do Facebook, a Fitbit também sugere um artigo para troca de e-mail de registro no sistema (Imagem: Reprodução/9to5Google)
Além de comunicar a remoção do Facebook, a Fitbit também sugere um artigo para troca de e-mail de registro no sistema (Imagem: Reprodução/9to5Google)

O acesso utilizando o cadastro da rede social ainda é permitido, mas a fabricante já preparou um artigo que auxilia os usuários a lembrarem ou mesmo trocarem os e-mails de registro em caso de necessidade. A Fitbit também não divulgou o motivo para que a medida fosse tomada, mas é muito provável que a decisão resulta da compra da companhia pela Google.

Venda para Google pode ser motivo

Em novembro de 2019, a Google adquiriu a Fitbit por US$ 2,1 bilhões (cerca de R$ 11,2 bilhões, em conversão direta), recebendo aprovação dos órgãos reguladores para conclusão da compra em janeiro deste ano. Agora propriedade da gigante das buscas, a companhia de wearables deve encaminhar os consumidores a vincular suas Contas Google, focando na centralização e proteção dos dados pessoais.

A Fitbit deve incentivar os usuários a utilizar a Conta Google, para unificar e proteger os dados pessoas de maneira mais efetiva (Imagem: Divulgação/Fitbit)
A Fitbit deve incentivar os usuários a utilizar a Conta Google, para unificar e proteger os dados pessoas de maneira mais efetiva (Imagem: Divulgação/Fitbit)

Situação parecida aconteceu com a Nest, que contava com sistema de registro de usuários próprio. Para centralizar os dados, a Google removeu a opção de utilizar o antigo login, mantendo habilitado apenas a integração via Conta Google. Aqueles que optassem por permanecer com a conta antiga não perderiam acesso aos serviços, mas estariam impossibilitados de receber novas funções.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: