Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    34.954,58
    -285,00 (-0,81%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Firefox testa tradutor de páginas nativo estilo Google Chrome

·2 minuto de leitura

Ao contrário da maioria dos concorrentes, que adotaram o Chromium como base para construção do seu navegador, o Firefox continua com o seu código próprio construído feita pela Mozilla. Apesar das suas inúmeras vantagens, até hoje o browser não tinha uma função de tradução de páginas embutida.

Agora, a raposa parece que finalmente vai permitir aos usuários compreenderem o conteúdo de sites em outros idiomas com a sua nova funcionalidade. Muita gente que usava extensões como o Google Translate agora terão o Firefox Translations, cujo diferencial é o processamento da requisição no próprio sistema, sem precisar se conectar a um servidor externo, para proteger a privacidade do usuário.

Por enquanto, a novidade está em experimento no Firefox Nightly, a versão de testes do navegador. Após as correções de bugs e aprimoramentos, a expectativa é de ser liberado para todos em uma atualização futura.

Para ativar manualmente o Firefox Translations, é preciso seguir os passos abaixo:

Passo 1: Digite about:config na barra de endereço do Firefox Nightly e clique em "Aceitar o risco e continuar";

(Imagem: Captura de tela/Canaltech)
(Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Passo 2: Procure por extensions.translations.disabled;

Passo 3: Clique no ícone de alternar e defina a opção como "false";

(Imagem: Captura de tela/Canaltech)
(Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Após isso, é só reiniciar o navegador e as páginas já poderão ser traduzidas. Quando o Firefox Translations está habilitado, um botão será exibido na parte superior da página. A tradução está bastante funcional, por isso dá para ter uma boa ideia de como vai funcionar. Apesar disso, ainda não há uma data certa de quando o recurso nativo desembarcará na versão estável do navegador.

Quem preferir ainda poderá manter as extensões atualmente usadas, mas não há como negar que um recurso nativo costuma ser mais prático do que lidar com as instalações adicionais. Além disso, como a Mozilla promete mais segurança e privacidade, talvez seja interessante dar uma chance para essa novidade.

O que você acha desta adição do Firefox? Pretende deixar de lado as extensões ou nem vai tentar a sorte? Deixe sua opinião abaixo.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: