Fipe reduz previsão de IPC para novembro

A desaceleração no Índice de Preços ao Consumidor (IPC) na terceira quadrissemana de novembro, para 0,85%, ante 1,21% na segunda leitura do mês, levou o coordenador do indicador da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), Rafael Costa Lima, a reduzir a projeção da inflação na cidade de São Paulo neste mês. A previsão passou de 0,67% para 0,65%. A projeção para 2012, no entanto, está mantida em 5%.

"O motivo da alteração foi o arrefecimento de alimentação, que segue com a maior participação no IPC, de 30,27%. Mas a proporção foi diferente da verificada na segunda quadrissemana (39,83%)", disse Lima, ressaltando que esperava uma alta de 1,04% para o grupo Alimentação na terceira prévia de novembro. Mas a taxa do grupo Alimentação ficou em 0,85% no período.

O IPC, por sua vez, ficou em 0,64%, ante 0,70% na segunda leitura de novembro. O resultado do índice também surpreendeu a Fipe, que projetava uma inflação de 0,67% na terceira medição do mês.

Carregando...