Mercado abrirá em 1 h 19 min
  • BOVESPA

    110.249,73
    +1.405,98 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.828,13
    +270,48 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +1,01 (+1,43%)
     
  • OURO

    1.773,90
    -4,30 (-0,24%)
     
  • BTC-USD

    41.901,08
    -1.518,30 (-3,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.044,18
    -19,66 (-1,85%)
     
  • S&P500

    4.354,19
    -3,54 (-0,08%)
     
  • DOW JONES

    33.919,84
    -50,63 (-0,15%)
     
  • FTSE

    7.067,06
    +86,08 (+1,23%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.065,25
    +41,25 (+0,27%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1807
    +0,0016 (+0,03%)
     

Finlândia quer envolvimento feminino na reconstrução econômica

·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- As mulheres precisam ser incluídas na reconstrução das economias depois que a pandemia causou um “recuo” na igualdade em muitos países, dado que foram atingidas de forma desproporcional, disse a primeira-ministra da Finlândia, Sanna Marin.

Aos 35 anos, ela comanda uma coalizão de cinco partidos — todos liderado por mulheres — e uma nação onde saúde pública para todos e redes de proteção social ajudaram a proteger a população do pior da crise econômica. O país, um dos líderes globais em igualdade de gênero, concluiu que as mulheres são maioria entre os trabalhadores da linha de frente de combate ao coronavírus e que continuam encarregadas da maior parte das tarefas domésticas.

É preciso dar “atenção especial (à igualdade) na recuperação e reconstrução das nossas sociedades”, disse Marin durante entrevista em Helsinque.

Mãe de uma menina de três anos chamada Emma, a premiê argumenta que muitas das soluções são estruturais: envolver ativamente as mulheres na elaboração de políticas públicas em vez de tê-las apenas como alvo dessas políticas e fazer com que a igualdade atravesse todas as áreas das políticas governamentais.

“A igualdade não é um silo, um segmento único, é algo que acontece quando a igualdade é levada em consideração em todas as maneiras de viver e nas políticas públicas”, disse ela. “As sociedades escandinavas de bem-estar social são igualitárias porque entendem como o conceito de igualdade é amplo e exige ação em todos os setores políticos.”

O governo dela trabalha para avançar a igualdade de gênero, inclusive promovendo a divisão mais igualitária das tarefas da casa. A reforma nas regras de licença parental no ano passado foi elaborada para que os pais assumissem parte das funções das mães no cuidado de crianças pequenas.

“A distribuição desigual de licença familiar é um motivo central que impede o progresso das mulheres na carreira, o que cria disparidade em relação aos salários dos homens e suas perspectivas de carreira”, disse ela.

More stories like this are available on bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos