Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.880,82
    +1.174,91 (+0,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.219,26
    +389,95 (+0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,51
    +1,69 (+2,65%)
     
  • OURO

    1.844,00
    +20,00 (+1,10%)
     
  • BTC-USD

    48.432,67
    -1.739,25 (-3,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,33
    +39,77 (+2,93%)
     
  • S&P500

    4.173,85
    +61,35 (+1,49%)
     
  • DOW JONES

    34.382,13
    +360,68 (+1,06%)
     
  • FTSE

    7.043,61
    +80,28 (+1,15%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.398,00
    +297,75 (+2,27%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4040
    -0,0085 (-0,13%)
     

Filme de Leos Carax, com Adam Driver e Marion Cotillard, abrirá o Festival de Cannes

·1 minuto de leitura

O filme "Annette", dirigido pelo francês Leos Carax e protagonizado por Adam Driver e Marion Cotillard, abrirá o Festival de Cannes, previsto para julho, anunciaram os organizadores nesta segunda-feira.

Com seu primeiro filme em inglês, Carax retornará a Cannes nove anos depois de apresentar "Holy Motors", que recebeu o prêmio da juventude no festival.

"Annette" relata a história de um ator de "stand up" e de uma cantora da fama internacional. Os dois formam um casal cercado de glamour. O nascimento de sua primeira filha, Annette, uma "menina misteriosa com um destino excepcional" altera o rumo de suas vidas.

Carax, que também dirigiu "Os Amantes de Pont Neuf", abrirá assim o maior festival de cinema do mundo, que habitualmente acontece em maio, mas que este ano acontecerá entre 6 e 17 de julho devido à pandemia.

"Acompanhamos com atenção a evolução da situação de saúde na Europa e no mundo (...) O Festival de Cannes continua preparando a próxima edição com confiança e determinação", afirmaram os organizadores.

A seleção oficial da mostra deve ser anunciada no fim de maio. O júri do festival será presidido pelo cineasta americano Spike Lee.

O diretor foi escolhido para a função na edição do ano passado, mas a pandemia forçou o cancelamento do festival.

app/zm/fp