Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.964,03
    -1.528,87 (-4,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Filmagens de ‘Matrix 4’ em uma só cidade ultrapassam valores de ‘Venom’ e ‘Shang-Chi’

·3 minuto de leitura
Filmagens de ‘Matrix 4’ em uma só cidade ultrapassam valores de ‘Venom’ e ‘Shang-Chi’
Filmagens de ‘Matrix 4’ em uma só cidade ultrapassam valores de ‘Venom’ e ‘Shang-Chi’

Já era de se esperar que ‘Matrix 4′ custasse caro para a Warner Bros. Pictures, porém, de acordo com o site Screenrant, o orçamento do quarto capítulo da história de Neo (Keanu Reeves) está acima do esperado. Somente nas filmagens realizadas em São Francisco, na Califórnia (EUA), a produção desembolsou cerca de US$ 420 mil.

A quantia pode até parecer pequena quando comparamos ao orçamento total de grandes lançamentos, mas os US$ 420 mil foram gastos pela Adobe Pictures, produtora por trás da sequência, apenas para custear o serviço prestado pelo Departamento de Polícia de São Francisco no local.

Para exemplificar melhor, a bagatela desembolsada pela produção de ‘Matrix 4’ é maior que o valor combinado pago por outras superproduções recentes também filmaram em São Francisco: ‘Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis‘ e ‘Venom‘, que gastaram US$ 162 mil e US$ 192 mil, respectivamente.

Carrie-Anne Moss e Keanu Reeves nas gravações de Matrix 4, em São Francisco. Imagem: Reprodução/jornal San Francisco Chronicle
Carrie-Anne Moss e Keanu Reeves nas gravações de Matrix 4, em São Francisco. Imagem: Reprodução/jornal San Francisco Chronicle

Todavia, o montante generoso desembolsado pela Adobe Pictures tem um motivo. O filme estrelado por Keanu Reeves e Carrie Anne Moss passou mais tempo sendo gravado na cidade que as outras produções mencionadas. Ou seja, o que deveria ter sido apenas uma gravação de quatro dias, acabou demorando 21.

E por ser um blockbuster, o investimento no serviço de polícia local é justo, visto que, em uma cidade tão populosa, transeuntes, moradores e até mesmo fãs precisam ser contidos pelas autoridades.

Previsto para chegar aos cinemas em 22 de dezembro de 2021, ‘Matrix 4’, que ainda não tem um título oficial, será uma sequência direta de ‘Revolutions’ (2003), contando com o retorno de Keanu Reeves e Carrie-Anne Moss como protagonistas. Ao toda, os três filmes da franquia faturaram US$ 1,6 bilhão nas bilheterias mundiais.

Por que São Francisco atraiu ‘Matrix 4’ e outras produções?

Nos últimos anos, São Francisco se tornou uma alternativa deveras atraente para os estúdios de Hollywood. A razão? Os incentivos fiscais da “cidade dourada”. O departamento San Francisco Film Commission oferece À produtoras um dos programas de descontos mais atraentes dos Estados Unidos (EUA), visando incentivar que mais gravações de filmes e séries sejam encaminhadas à cidade… mesmo que as filmagens causem certo estrago nas ruas (veja acima).

Para que uma produção se qualifique ao desconto, é necessário realizar cerca de 55% de suas filmagens na cidade, caso o orçamento for abaixo de US$ 3 milhões. Já para custos acima do valor citado, a porcentagem sobre para 65%. Então, quando um filme se torna elegível ao programa, ele é isento de pagar taxas a partir de US$ 600 mil.

Leia mais:

Desde 2006, São Francisco já ofereceu descontos de mais de US$ 6 milhões. Todos esses descontos ajudam no investimento em equipes e atores locais, com bens e serviços que variam de refeições a burocracias, por exemplo. Nos dois últimos dois anos, a comissão afirmou que cada dólar descontado se converteu em US$ 13,28, totalizando US $23 milhões em salários pagos.

Fonte: Screenrant

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!