Mercado abrirá em 9 h 52 min
  • BOVESPA

    120.348,80
    -3.132,20 (-2,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.892,28
    -178,62 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    51,92
    -0,44 (-0,84%)
     
  • OURO

    1.823,70
    -6,20 (-0,34%)
     
  • BTC-USD

    36.091,63
    +388,70 (+1,09%)
     
  • CMC Crypto 200

    702,31
    -32,83 (-4,47%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,24 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.735,71
    -66,25 (-0,97%)
     
  • HANG SENG

    28.567,45
    -6,41 (-0,02%)
     
  • NIKKEI

    28.316,48
    -202,70 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    12.761,25
    -41,00 (-0,32%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3867
    -0,0059 (-0,09%)
     

Filipinas retiram embargo a importações de carne de frango do Brasil, diz ABPA

·1 minuto de leitura
Processamento de carne de frango em Itatinga (SP)

SÃO PAULO (Reuters) - As Filipinas retiraram um embargo sobre as importações de carne de frango do Brasil, disse a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) nesta quinta-feira, em movimento que marca o fim de uma proibição introduzida em agosto por causa da suposta detecção de Covid-19 na embalagem de um produto.

A ABPA afirmou em comunicado que o Departamento de Agricultura das Filipinas emitiu nesta semana um memorando que volta a liberar a carne de fango importada do Brasil, maior exportador global da proteína.

"O Brasil prestou todos os esclarecimentos e demonstramos a confiabilidade do produto brasileiro", disse a ABPA. "Barreiras sem fundamento técnico científico, sem qualquer esclarecimento e demonstrações, não são bases para um embargo."

A proibição havia ocorrido na segunda quinzena de agosto, após a suposta detecção de traços de Covid-19 na embalagem de um produto na China, indicou a ABPA.

Com a suspensão das restrições, a ABPA espera que as vendas para o mercado filipino retomem patamares equivalentes aos registrados antes da suspensão.

O país era um dos principais destinos do produto brasileiro na Ásia, aparecendo no 12º lugar geral entre os maiores importadores da proteína, disse a ABPA.

As Filipinas compraram cerca de 2% do total exportado pelo Brasil no primeiro semestre deste ano, afirmou a associação.

(Por Ana Mano)