Mercado fechado

FIAT e Visa firmam parceria que transformará carro em solução de pagamento

Felipe Ribeiro

Tal qual os smartphones, os automóveis se tornaram uma extensão do nosso corpo. Com cada vez mais itens de conectividade e tecnologia à disposição dos motoristas e passageiros, os veículos não podem ficar para trás - com o perdão do trocadilho - nessa corrida. De olho nessas transformações, o Grupo FCA, que possui as marcas FIAT e Jeep, firmou uma parceria com a Visa para o desenvolvimento de uma plataforma de pagamentos que tem como centro do seu funcionamento os carros da montadora italiana em solo brasileiro.

"Escolhemos a Visa para trabalhar conosco nessa jornada porque consideramos que é a empresa que mais está engajada em novas modalidades de pagamento que não façam mais uso do plástico, ou seja, do cartão. Ainda vamos definir qual será o melhor modelo para isso, mas a ideia é que tudo fique na nuvem e que você não tenha que sair do seu carro para efetuar pagamentos", explica Mateus Silveira, chefe do departamento de inovação e conectividade da FCA.

Ainda não está claro como a FIAT e a Visa farão esse movimento para transformar os automóveis da marca em uma espécie de conta-corrente ou cartão ambulante, mas é fato que isso, necessariamente, caminhará para uma atualização completa de seu sistema de infotenimento. Em entrevista coletiva ocorrida na manhã desta segunda-feira (02), em São Paulo, a empresa já deu pistas do que pode ocorrer com as multimídias de seus futuros carros.

"Certamente todo o processo será feito na nuvem, com muita segurança e praticidade. O carro será um dos instrumentos desse sistema e, claro, as atualizações e as transações serão feitas online", disse André Souza, CIO da FCA para a América Latina, em entrevista ao Canaltech.

Isso nos leva a crer que os vindouros automóveis da FCA podem estar completamente conectados, com internet e armazenamento próprios. Na verdade, isso já é um movimento que está acontecendo globalmente com o grupo. Foi anunciada, na Itália, uma parceria com duas empresas: a Harman, controlada pela Samsung, e com o Google, para fornecer internet aos automóveis de maneira nativa, porém sem as amarras das operadoras.

Central multimídia uConnect deverá evoluir/ Imagem: FIAT

A plataforma global que oferecerá aos proprietários conectividade de rede 4G e suportará a evolução para o 5G é homologada para todas as regiões e se integrará a qualquer provedor de serviços em todo o mundo. O sistema externo também tem a capacidade de interagir com a infraestrutura de futuras cidades inteligentes, bem como com os dispositivos domésticos por meio da plataforma "Smart Things" da Samsung. Além dos proprietários de veículos, revendedores, operadores de frota e provedores de serviços também se beneficiarão dos recursos fornecidos pela nova conectividade baseada em nuvem.

Imagem: VISA/FCA

Vale lembrar, também, que o Google já atua em parceria com a FIAT no novo projeto do site da marca, que colhe informações dos clientes para ajudá-los na hora de adquirir seu veículo novo.

Embora as empresas parcerias ainda não tenham sido anunciadas aqui no Brasil, o modelo global da FCA já nos dá pistas de como o serviço será ativado por aqui. Segundo a FCA global, as mudanças em todo o sistema devem aparecer em 2022.

Segurança no pagamento

Segundo Erico Fileno, diretor de inovação da Visa, a segurança será feita por meio da tokenização. Ou seja: todo pagamento feito com a nova plataforma da FCA com a Visa terá um token gerado na hora pelo sistema over the air. "O usuário poderá ficar despreocupado. Mesmo se, por ventura, o veículo for roubado ou inutilizado, você poderá levar o sistema para outro automóvel compatível, pois todo o projeto estará na nuvem e será tokenizado", explicou Fileno.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: