Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.750,22
    +1.458,62 (+1,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    43.646,03
    -288,18 (-0,66%)
     
  • PETROLEO CRU

    46,09
    +0,45 (+0,99%)
     
  • OURO

    1.837,70
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    19.137,55
    +89,26 (+0,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    365,19
    -14,05 (-3,71%)
     
  • S&P500

    3.699,12
    +32,40 (+0,88%)
     
  • DOW JONES

    30.218,26
    +248,74 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.550,23
    +59,96 (+0,92%)
     
  • HANG SENG

    26.835,92
    +107,42 (+0,40%)
     
  • NIKKEI

    26.751,24
    -58,13 (-0,22%)
     
  • NASDAQ

    12.509,25
    +47,00 (+0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2497
    +0,0137 (+0,22%)
     

Ferrari vê lucro despencar 95% em meio à pandemia

Marcus Couto
·2 minuto de leitura
Ferrari: lucros despencaram no último trimestre. (Foto: REUTERS/Eduardo Munoz)
Ferrari: lucros despencaram no último trimestre. (Foto: REUTERS/Eduardo Munoz)

A clássica fabricante italiana de carros esportivos Ferrari está entre as afetadas pela pandemia do novo coronavírus, que se abate sobre praticamente todo o setor da economia mundial. A montadora anunciou, em seus mais recentes resultados trimestrais, uma queda de 95% em seu lucro, que foi de € 9 milhões.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

A Ferrari vinha apresentando resultados positivos desde 2016, após a sua separação da Fiat Chrysler Automobiles (FCA), mas o impacto da covid-19 reverteu drasticamente essa tendência. As informações são da agência de notícias Ansa.

Leia também

Houve queda ainda no faturamento, de € 571 milhões no último trimestre de 2020, período que coincide com a primeira onda do novo coronavírus na Europa, que afetou especialmente a Itália, país sede da fabricante. A queda foi de 42% em relação ao mesmo período do ano passado.

Outro número que a montadora viu encolher foi o de emplacamentos, ou seja, de veículos entregues, que caiu pela metade, para pouco mais de 1,3 mil no último trimestre. No auge da crise na Itália, a Ferrari chegou a fechar fábrica para proteger funcionários do espalhamento do vírus.

No novo cenário, a empresa atualizou suas perspectivas para 2020. Agora, a estimativa é de faturamento na casa dos € 3,4 bilhões, cerca de 400 milhões a menos que no ano passado.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube