Mercado fechado

Felizes com a divulgação do Snyder Cut, fãs destroem Blu-Rays de Liga da Justiça

Laísa Trojaike

O fandom de Zack Snyder é mais intenso do que se imaginava. Com a divulgação do lançamento do Snyder Cut de Liga da Justiça, os fãs que adquiriram as mídias físicas da versão de cinema do filme original de 2017 iniciaram uma destruição em série nas redes sociais.

Tudo começou quando Zack Snyder abandonou o set de filmagens para lidar com a morte da sua filha e Joss Whedon (Vingadores) assumiu a direção. Até aí tudo bem, mas, se considerarmos que ambos têm um modo bastante diferente de direção, fica mais claro que talvez Liga da Justiça não saísse conforme planejado inicialmente. E não saiu.

Imagem: Divulgação/HBO Max

Liga da Justiça foi um fracasso (ainda que alguns espectadores tenham gostado bastante). No site de avaliações de cinéfilos RottenTomatoes, o filme ganhou a nota de 40%, a partir da média de quase 400 críticos. Em termos de bilheteria, o filme da DC Films conseguiu US$ 657 milhões nos Estados Unidos, o que é muito, mas ainda fica para trás quando colocado ao lado dos títulos Marvel lançados no mesmo ano: Guardiões da Galáxia Vol. 2 arrecadou US$ 863 milhões, Thor: Ragnarok chegou aos US$ 854 milhões e Homem-Aranha: De Volta ao Lar superou os US$ 880 milhões — todos números também do mercado doméstico.

Mesmo sem saber se existiria de fato um Snyder Cut, uma onda clamando por essa outra versão do filme tomou conta da internet através da hashtag #ReleasetheSnyderCut. Quando o sonho foi realizado, a satisfação não foi o suficiente para alguns. Confira os posts em que podemos ver fãs ansiosos pelo Snyder Cut destruindo seus Blu-Rays de Liga da Justiça (talvez isso até se encaixe no gênero “vídeos satisfatórios”):







Fonte: Canaltech