Mercado fechará em 1 h 57 min

Elogios a Pinochet podem afastar Felipão do Colo-Colo

Felipão durante sua última passagem pelo Palmeiras (Alexis Lloret/Getty Images)

Fora do futebol desde quando foi demitido do Palmeiras em setembro de 2019, o técnico Luiz Felipe Scolari é pretendido pelo Colo-Colo, um dos principais clubes chilenos. Mas existe uma divisão dentro da diretoria do time porque o brasileiro já elogiou o ditador Augusto Pinochet.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Em 1998, durante entrevista à Rádio Jovem Pan defendeu o ex-comandante do Chile.

"Pinochet fez muita coisa boa também”, disse o então treinador do Palmeiras. "Ajeitou muitas coisas lá (no Chile). O pessoal estava meio desajeitado. Ele pode ter feito uma ou outra retaliaçãozinha aqui e ali, mas fez muito mais do que não fez.”

Leia também:

Felipão ainda defendeu os métodos do ex-ditador, que escalaram até a tortura e a morte de milhares de pessoas. “Há determinados momentos que ou o pessoal se ajeita ou a anarquia toma conta”.

De acordo com o site La Tercera, diretores do clube afirmam que é inconveniente apoiar a chegada do técnico, já que o contexto atual do país não é muito amistoso para isso.

Roda Viva

Em 2005, durante entrevista no programa “Roda Viva”, da TV Cultura, ele reafirmou o que havia dito sete anos antes após pergunta de Juca Kfouri: “Olha, as pessoas ficam bravas comigo, mas eu digo uma coisa: Liberdade, liberdade. Democracia com esculhambação, faz o quê? Às vezes é bom dar um "pára, te quieto" e vamos fazer isso, daqui para frente vamos ver o que vai acontecer".

Depois da intervenção do jornalista Ruy Carlos Ostermann, que disse "Pensa sempre como um time de futebol", Felipão rebateu: “É claro, está bom, dá liberdade. Hoje, no Brasil, tu não podes falar uma palavra qualquer porque é racismo, tu não podes falar uma outra, porque se tu falares é processado, falar em homossexual está processado, falar preto é processado".

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.