Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.716,00
    -2.354,48 (-2,06%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.395,94
    -928,98 (-2,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,43
    -4,06 (-4,86%)
     
  • OURO

    1.651,70
    -29,40 (-1,75%)
     
  • BTC-USD

    18.918,40
    -431,87 (-2,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    434,61
    -9,92 (-2,23%)
     
  • S&P500

    3.693,23
    -64,76 (-1,72%)
     
  • DOW JONES

    29.590,41
    -486,27 (-1,62%)
     
  • FTSE

    7.018,60
    -140,92 (-1,97%)
     
  • HANG SENG

    17.933,27
    -214,68 (-1,18%)
     
  • NIKKEI

    27.153,83
    -159,30 (-0,58%)
     
  • NASDAQ

    11.388,00
    -177,50 (-1,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0976
    +0,0649 (+1,29%)
     

FedEx alerta para impacto da desaceleração econômica global e ações desabam

BENGALURU, Índia (Reuters) - A FedEx disse nesta quinta-feira que os resultados trimestrais foram impactados negativamente pela queda global no volume de seus negócios, movimento acelerado no final do período, e retirou sua projeção financeira à medida que espera um pior cenário à frente.

A companhia divulgou números preliminares de receita e lucro do primeiro trimestre fiscal (encerrado em agosto) abaixo das projeções dos analistas em Wall Street.

As ações da FedEx caíram mais de 15% nas negociações de pós-mercado.

A FedEx estava colhendo lucros mais altos com o aumento dos preços de frete no trimestre encerrado em maio, mas agora retirou as estimativas financeiras feitas para o ano fiscal em 23 de junho, menos de três meses atrás.

A empresa, considerada um indicador do ritmo do comércio e da demanda por bens de consumo, disse que a fraqueza do mercado acelerou no final de seu primeiro trimestre fiscal e tem sido particularmente desafiadora na Ásia. A companhia também enfrentou desafios na Europa.

O alerta atingiu ações de outras empresas de entrega, bem como varejistas. Os papéis da United Parcel Service caíram 5%, enquanto os da Amazon cederam 1,6% e da ​​Target perderam quase 1%.

A FedEx espera registrar receita de 23,2 bilhões de dólares no primeiro trimestre, abaixo das expectativas de 23,59 bilhões, segundo analistas consultados pelo IBES, da Refinitiv. A companhia divulgou lucro ajustado de 3,44 dólares por ação, bem abaixo das estimativas de 5,14 dólares.

Os futuros do S&P 500 cediam após a divulgação pela companhia.

(Por Nathan Gomes e Shariq Khan)