Mercado abrirá em 3 h 28 min
  • BOVESPA

    110.580,79
    +234,97 (+0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    -72,85 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,86
    +1,09 (+0,99%)
     
  • OURO

    1.856,70
    -8,70 (-0,47%)
     
  • BTC-USD

    29.725,45
    +437,55 (+1,49%)
     
  • CMC Crypto 200

    661,50
    +5,67 (+0,87%)
     
  • S&P500

    3.941,48
    -32,27 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.928,62
    +48,38 (+0,15%)
     
  • FTSE

    7.503,05
    +18,70 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    20.171,27
    +59,17 (+0,29%)
     
  • NIKKEI

    26.677,80
    -70,34 (-0,26%)
     
  • NASDAQ

    11.750,00
    -21,00 (-0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1548
    -0,0174 (-0,34%)
     

FBI alerta que o setor de agricultura é o próximo alvo de gangues de ransomware

·2 min de leitura

O FBI emitiu um alerta para organizações estadunidenses do setor de Alimentos e Agricultura alertando que eles podem ser alvos de grupos de ransomware durante os períodos de colheita e plantio — já que dados coletados durante os anos apontam um crescimento significante nos ataques de sequestro virtual para essas áreas durante essas janelas.

No comunicado, o FBI explica que os criminosos virtuais podem ver as indústrias desses setores como alvos lucrativos para ataques ransomware nos períodos de colheita e plantio pela necessidade de velocidade no processo de distribuição de sementes e fertilizantes, por exemplo, para não perder o momento ideal para seus cultivos — o que, por sua vez, pode levar a problemas na cadeia de suplementos tanto dos EUA quanto do mundo e também a prejuízos financeiros, tornando o pagamento do resgate dos sequestros virtuais uma opção mais viável para evitar essas consequências.

Ainda no alerta, o FBI também destaca alguns ataques que ocorreram recentemente no setor, como um em março desse ano que envolveu a ameaça Lockbit 2.0 bloqueando sistemas de uma companhia responsável pelo fornecimento de sementes, fertilizantes e serviços de logística para demais organizações de agricultura; e outro que aconteceu em julho de 2021, quando uma cooperativa que fornece softwares de gerenciamento sofreu golpes de sequestro virtual que se espalharam para seus clientes, que incluíam empresas do setor.

EUA está adotando postura mais rígida contra ataques ransomware

<em>EUA vem adotando postura mais rígida contra ataques ransomware desde 2021. (Imagem: Reprodução/ESSET)</em>
EUA vem adotando postura mais rígida contra ataques ransomware desde 2021. (Imagem: Reprodução/ESSET)

Essa não é a primeira vez que um órgão dos EUA emite um comunicado sobre os perigos do ransomware. Desde o ataque em 2021 na Colonial Pipelines, um dos principais oleodutos da nação, fez com que parte do país tivesse temporariamente problemas de fornecimento de combustível, autoridades estadunidenses vem sempre tentando conscientizar tanto cidadães como indústrias sobre os riscos dessa ameaça virtual.

Além disso, o governo dos EUA também está tomando medidas mais rígidas contra esses tipos de ataque, com uma das mais recentes sendo a obrigação por lei que empresas que sofrerem esses tipos de golpes os reportarem a administração do país.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos