Mercado abrirá em 2 h 59 min
  • BOVESPA

    109.717,94
    -517,82 (-0,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.460,55
    +652,34 (+1,36%)
     
  • PETROLEO CRU

    94,72
    +0,38 (+0,40%)
     
  • OURO

    1.802,80
    -4,40 (-0,24%)
     
  • BTC-USD

    24.068,59
    -400,94 (-1,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    571,90
    -2,84 (-0,49%)
     
  • S&P500

    4.207,27
    -2,97 (-0,07%)
     
  • DOW JONES

    33.336,67
    +27,16 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.513,55
    +47,64 (+0,64%)
     
  • HANG SENG

    20.175,62
    +93,19 (+0,46%)
     
  • NIKKEI

    28.546,98
    +727,65 (+2,62%)
     
  • NASDAQ

    13.392,00
    +80,75 (+0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3174
    -0,0063 (-0,12%)
     

Família estão deixando de comer para pagar luz e gás, mostra pesquisa inédita

·1 min de leitura
Of 50 and 20 value, currency of Brazil, on a black background, closeup macro
Pesquisa foi realizada pelo Ipec

(Getty Images)

  • Contas de luz e gás comprometem orçamento de brasileiros

  • 22% deixaram de comprar alimentos básicos para arcar com os custos

  • Cerca de 46% usaram metade ou mais da renda com botijões e energia elétrica

Uma pesquisa inédita mostrou que 46% dos brasileiros usam metade de sua renda ou mais para pagar contas de energia elétrica e comprar botijões de gás. As principais regiões afetadas são Norte e Nordeste.

Leia também:

O estudo, encomendado pelo Instituto Clima e Sociedade ao Ipec (Inteligência em Pesquisa e Consultoria), mostra que 40% da população deixou de comprar roupas, sapatos e eletrodomésticos para poder pagar luz e gás.

Em todo o Brasil, 22% reduziram a compra de alimentos básicos para arcar com os gastos. No Nordeste, o percentual é de 28%. As informações são do O Globo.

Programas sociais

O Ministério da Cidadania disse, em nota, que o programa Auxílio Gás alcança quase 5,6 milhões de famílias de baixa renda. O valor, de R$ 52, visa ajudar os brasileiros a adquirirem botijões.

Para aliviar o peso das contas de luz, há o programa de tarifa social de energia elétrica, que dá descontos entre 10% e 65% a famílias de baixa renda. Atualmente, são 12,4 milhões de beneficiários e, a partir deste mês, "há potencial para concessão do benefício para mais 11 milhões de famílias".

Para chegar às conclusões, o Ipec ouviu mais de 2.002 brasileiros com mais de 16 anos de idade em todas as regiões do país em novembro de 2021.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos