Mercado abrirá em 1 h 28 min
  • BOVESPA

    128.767,45
    -497,51 (-0,38%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.129,88
    -185,81 (-0,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,36
    +0,51 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.782,40
    +5,00 (+0,28%)
     
  • BTC-USD

    34.016,28
    +2.401,55 (+7,60%)
     
  • CMC Crypto 200

    813,96
    +19,63 (+2,47%)
     
  • S&P500

    4.246,44
    +21,65 (+0,51%)
     
  • DOW JONES

    33.945,58
    +68,61 (+0,20%)
     
  • FTSE

    7.108,06
    +18,05 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    28.817,07
    +507,31 (+1,79%)
     
  • NIKKEI

    28.874,89
    -9,24 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    14.245,25
    -13,00 (-0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9546
    +0,0348 (+0,59%)
     

Facebook penaliza usuários que compartilham desinformação com frequência

·1 minuto de leitura
Facebook penaliza usuários que compartilham desinformação com frequência
Facebook penaliza usuários que compartilham desinformação com frequência

Facebook pretende penalizar os usuários que compartilharem informações incorretas com frequência. A empresa colocou novos avisos que notificarão os usuários de que o compartilhamento repetido de notícias falsas pode resultar em “suas postagens caírem para baixo no feed de notícias, para que outras pessoas tenham menos probabilidade de vê-las”

Até agora, a política da empresa é de rebaixar as postagens individuais que são checadas por verificadores de fatos no aplicativo. Porém, já podem se tornar virais antes disso. Com a mudança, o Facebook avisará os usuários sobre as consequências de compartilhar desinformação.

Leia mais:

As páginas que forem consideradas infratores reincidentes incluirão avisos pop-up quando os usuários tentarem segui-las. Já os indivíduos que compartilham informações incorretas receberão notificações de que suas postagens ficarão menos visíveis no feed de notícias como resultado. Além disso, as notificações incluirão um link para a verificação de fatos da postagem.

Facebook
Facebook

Após de mais um ano em que o Facebook luta para controlar a desinformação sobre a pandemia do coronavírus, a atualização chega para validar a política da empresa. “Quer seja conteúdo falso ou enganoso sobre Covid-19 e vacinas, mudança climática, eleições ou outros tópicos, estamos garantindo que menos pessoas vejam informações incorretas em nossos aplicativos”, escreveu em um blog.

Por outro lado, o Facebook não indicou quantas postagens seriam necessárias para que houvesse redução de notícias. As pessoas que estudam a desinformação dizem que muitas vezes são os mesmos indivíduos por trás das alegações falsas mais virais.

Fonte: Engadget

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos