Mercado abrirá em 2 h 24 min
  • BOVESPA

    109.068,55
    -1.120,02 (-1,02%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.725,96
    -294,69 (-0,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,50
    +0,49 (+0,68%)
     
  • OURO

    1.795,20
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    16.825,38
    -0,77 (-0,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    395,07
    -6,96 (-1,73%)
     
  • S&P500

    3.933,92
    -7,34 (-0,19%)
     
  • DOW JONES

    33.597,92
    +1,58 (+0,00%)
     
  • FTSE

    7.484,79
    -4,40 (-0,06%)
     
  • HANG SENG

    19.450,23
    +635,41 (+3,38%)
     
  • NIKKEI

    27.574,43
    -111,97 (-0,40%)
     
  • NASDAQ

    11.529,50
    +20,00 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4745
    +0,0081 (+0,15%)
     

Facebook anuncia novas maneiras de personalizar o feed; veja como fazer

Facebook também está implementando uma ferramenta que permite personalizar a quantidade de conteúdo que se vê no feed de amigos e familiares
Facebook também está implementando uma ferramenta que permite personalizar a quantidade de conteúdo que se vê no feed de amigos e familiares (REUTERS/Dado Ruvic/Illustration)
  • Facebook já oferecia recomendações de postagens de criadores e comunidades que o usuário talvez não conhecesse;

  • Agora, será possível selecionar "Mostrar mais" ou "Mostrar menos" em postagens das pessoas e comunidades às quais se está conectado;

  • Objetivo da Meta com essas novas maneiras de classificação do feed é "tornar seus sistemas de inteligência artificial mais inteligentes e responsivos".

O Facebook divulgou em suas páginas oficiais que a rede agora pode ser personalizada de acordo com as preferências do usuário e apresentou as novas maneiras de como fazer isso.

De acordo com a publicação, o Facebook já oferecia juntamente com as atualizações dos amigos, Grupos e Páginas, recomendações de postagens de criadores e comunidades que o usuário talvez não conhecesse para curtir e discutir. Agora, será possível selecionar "Mostrar mais" ou "Mostrar menos" em postagens das pessoas e comunidades às quais se está conectado e nas postagens que o Facebook recomenda. A nova ferramenta também já está sendo testada no Reels.

Caso o usuário selecione "Mostrar mais", a pontuação de classificação para determinada postagem e postagens semelhantes aumentará. Se selecionar "Mostrar menos", consequentemente essa pontuação diminuirá. O objetivo da Meta com essas novas maneiras de classificação do feed é "tornar seus sistemas de inteligência artificial mais inteligentes e responsivos".

A rede social também está implementando uma ferramenta que permite personalizar a quantidade de conteúdo que se vê no feed de amigos e familiares, Grupos, Páginas e figuras públicas aos quais se está conectado. Essas ferramentas — assim como Favoritos, adiar e reconectar — podem ser encontradas em Preferências de feed.

Dados usados irregularmente

A Meta, controladora do Facebook e do Instagram, entrou em acordo em um processo nos Estados Unidos contra duas empresas que se envolveram em operações de extrações de dados de suas plataformas para fins de inteligência de marketing.

Iniciado em outubro de 2020, o processo que envolve as empresas BrandTotal Ltd., com sede em Israel, e a Unimania Inc., de Delaware, terminou com ambas concordando com uma liminar que as proíbe de extrair dados do Facebook e do Instagram no futuro e de lucrar com os dados já coletados. Elas também concordaram em pagar uma “quantia financeira significativa” como parte de seu acordo, diz Meta, que se recusou a precisar o valor.

De acordo com o site da BrandTotal, sua empresa ofereceu uma plataforma de inteligência em tempo real projetada para dar visibilidade às equipes de mídia dados e análises sobre a estratégia de mídia social e campanhas pagas de seus concorrentes.