Mercado fechado
  • BOVESPA

    120.348,80
    -3.132,20 (-2,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.892,28
    -178,62 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,14
    -0,22 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.813,60
    -16,30 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.860,24
    -34,41 (-0,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    701,93
    -33,21 (-4,52%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,24 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.735,71
    -66,25 (-0,97%)
     
  • HANG SENG

    28.573,86
    +76,96 (+0,27%)
     
  • NIKKEI

    28.133,77
    -385,41 (-1,35%)
     
  • NASDAQ

    12.750,25
    -52,00 (-0,41%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3834
    -0,0092 (-0,14%)
     

Facebook acusa Apple de comportamento anticompetitivo

·1 minuto de leitura

PALO ALTO/NOVA YORK (Reuters) - O Facebook acusou a Apple nesta quarta-feira de se envolver em práticas anticompetitivas, aumentando a tensão entre as duas gigantes da tecnologia sobre as mudanças de privacidade planejadas pela Apple para a próxima versão de seu sistema operacional.

"A Apple está se comportando de forma anticompetitiva usando seu controle da App Store para beneficiar seus resultados às custas de criadores e pequenas empresas. Ponto final", disse o vice-presidente de Anúncios e Produtos do Facebook, Dan Levy.

A maior empresa de mídia social do mundo veiculou anúncios de página inteira nos principais jornais dos EUA criticando os planos da Apple, o que limitará a capacidade dos aplicativos de coletar dados dos usuários que podem ser utilizados para direcionar anúncios.

(Por Katie Paul e Sheila Dang)