Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.513,62
    +1.085,64 (+0,85%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.558,32
    +387,54 (+0,77%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,58
    +0,28 (+0,38%)
     
  • OURO

    1.776,40
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    34.430,66
    +1.163,78 (+3,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    829,31
    +42,69 (+5,43%)
     
  • S&P500

    4.266,49
    +24,65 (+0,58%)
     
  • DOW JONES

    34.196,82
    +322,58 (+0,95%)
     
  • FTSE

    7.109,97
    +35,91 (+0,51%)
     
  • HANG SENG

    28.882,46
    +65,39 (+0,23%)
     
  • NIKKEI

    29.067,25
    +192,02 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    14.351,25
    -3,00 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,8650
    +0,0027 (+0,05%)
     

Fabricante da Apple deve ter carro elétrico popular até 2023

·1 minuto de leitura
(Foto:Divulgação)
A parte de desenvolvimento do carro será da Fisker, cujo fundador, o designer dinamarquês Henrik Fisker, tem em seu currículo experiências nas montadoras Aston Martin, BMW e Ford (Foto:Divulgação)

A Foxconn, fábrica com sede em Taiwan que produz o iPhone e outros produtos da Apple, está trabalhando na criação de um carro elétrico popular, com previsão de lançamento para 2023 e preço de até US$ 30 mil.

Leia também:

Em parceria com a americana Fisker, essa será a estreia dos taiwaneses no segmento automotivo. A produção inicial deverá ser de 150 mil unidades no final de 2023. A partir dos anos seguintes, esse número passará para 250 mil.

A parte de desenvolvimento do carro será da Fisker, cujo fundador, o designer dinamarquês Henrik Fisker, tem em seu currículo experiências nas montadoras Aston Martin, BMW e Ford. Já a montagem ficará por conta da Foxconn nos Estados Unidos.

As operações entre Estados Unidos e Taiwan serão coordenadas em conjunto por um escritório que tratará dos departamentos de engenharia, compras e manufatura.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos